Tamanho do texto

Juan Brito estava no clube desde 2008 e trabalhou na gestão que teve grande aumento nas receitas no setor

O Palmeiras demitiu o gerente de marketing, Juan Rafael Brito. O diretor da área, Rubens Reis, confirmou ao iG a saída do seu funcionário e alegou que a mudança faz parte de uma reestruturação. Ele, no entanto, negou que a saída de Juan tenha ligação com a forte pressão exercida pelo ex-presidente Mustafá Contursi, que pede pela saída desse profissional desde quando Arnaldo Tirone assumiu a gestão no início do ano.

“Ele é um excelente profissional, não está saindo porque errou ou porque deixou de fazer alguma coisa. Ele vai procurar algo novo para fazer e vai encontrar. Mas a saída dele não tem nada a ver com pressa política, é reestruturação mesmo”, afirmou Rubens.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

Em contato com o iG , Juan também evitou comentar o assunto. Apenas confirmou que ficará no Palmeiras até o fim desta semana e lamentou a decisão da diretoria, principalmente por estar envolvido em vários projetos que ainda serão desenvolvidos.

Juan está no Palmeiras desde 2008 e atuou muito ao lado do ex-diretor de marketing Rogério Dezembro, que hoje está na WTorre. Ele virou alvo de perseguição de Mustafá Contursi, que pretende exterminar toda e qualquer herança da gestão de Luiz Gonzaga Belluzzo. Ele encontrou certa resistência nas suas tentativas e, por isso, anunciou recentemente que rompeu com a gestão de Arnaldo Tirone.

O futuro ex-gerente de marketing foi responsável direto nos últimos negócios do clube e fez a transição dos planos da ex-diretoria para a atual. Ele também trabalhou diretamente para que os últimos patrocínios fossem fechados e que o Palmeiras tivesse uma grande ascensão no ranking de arrecadação com este setor.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte