Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Pai e tio de Rooney são presos por envolvimento com apostas ilegais

As irregularidades teriam acontecido na partida entre os clubes escoceses Motherwell e Hearts, em dezembro de 2010

EFE |

AP
Pai de Rooney foi preso em operação no norte da Inglaterra nesta quinta-feira
O pai e o tio do jogador inglês Wayne Rooney, do Manchester United, foram presos nesta quinta-feira por suposto envolvimento em manipulação de apostas esportivas, informou o canal de televisão "BBC".

Os agentes detiveram no total nove indivíduos, sete deles no condado de Merseyside (norte da Inglaterra), enquanto outro dos supostos envolvidos, o jogador escocês Steve Jennings, do Motherwell, foi preso em sua casa de Glasgow (Escócia).

Aparentemente, as acusações estão relacionadas com supostas irregularidades cometidas nas apostas feitas sobre uma partida disputada entre os clubes escoceses Motherwell e Hearts. As suspeitas sobre o jogo, disputado no dia 14 de dezembro de 2010, foram levantadas pela Associação de Casas de Apostas Britânicas depois que muitas delas - feitas em Liverpool - se basearam na possibilidade que ocorresse uma expulsão.

Durante essa partida, Jennings, que já tinha recebido cartão amarelo, recebeu um vermelho direto por ofender o árbitro Stevie O'Reilly no final do jogo, quando sua equipe perdia por 2 a 1 em casa. O jogador, de 26 anos e procedente de Liverpool, se incorporou ao Motherwell há duas temporadas e negou seu envolvimento na trama.

O executivo-chefe da Federação de Futebol Escocesa, Stewart Regan, considerou que é importante ressaltar "que as provas reunidas durante todo esse período de investigação envolvem apenas um jogo escocês".

Leia tudo sobre: futebol mundialinglaterramanchester unitedrooney

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG