Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Pai de Mourinho exalta sua personalidade

Em entrevista ao jornal espanhol "AS", Félix Mourinho elogiou a falta de humildade e modéstia do filho

Gazeta |

Félix Mourinho, pai do José Mourinho, treinador do Real Madrid, acredita que a falta de humildade e modéstia do filho, que é tão criticado por isto, é o motivo para ele ter chegado a ser um dos melhores treinadores do planeta. Segundo Félix, um ex-goleiro e ex-treinador de futebol, ele próprio não conseguiu ser o que o filho é.

Perguntado o motivo da falta de humildade do filho, Félix sabe o por quê. "Eu acho que ele sabe o que eu passei por ser mais humilde. Para ele, a palavra humildade no futebol não existe. Se meu filho tivesse tido a humildade que eu tive, já haveriam comido ele vivo", disse o português, em entrevista ao diário espanhol AS.

Félix também explicou os conselhos que deu a José quando ele ainda era jovem. "Como pai, falei para ele ser o melhor possível. Mas ele desenvolveu sua própria personalidade e sabe bem o que é melhor para ele. Mas, sobre todo o resto, sempre quis que ele fosse honesto", comentou.

Falando sobre sua carreira profissional, o ex-goleiro não escondeu sua admiração a Di Stéfano, grande ídolo argentino do Real Madrid, considerando-o melhor que Pelé. "Eu joguei contra ele uma vez, quando era muito jovem e não entendi a dimensão daquilo. Mas eu tinha um técnico argentino que sempre me falava dele e eu o vi jogar contra o Benfica. Para mim, ele foi o melhor jogador do mundo, sempre fui um grande admirador. Pelé era diferente, com mais corpo, e forte fisicamente", declarou.

Leia tudo sobre: Real MadridJosé Mourinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG