Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Owen cutuca Liverpool: "Sua posição reflete o seu momento atual"

Atacante do Manchester United disse que o rival é dependente da dupla de estrelas, Gerrard e Carragher

Gazeta |

De ótima fase vivida no Liverpool no início da carreira, o hoje veterano atacante Michael Owen afiou a língua para criticar o ex-clube. Atuando pelo Manchester United, ele não mostrou piedade alguma e afirmou que não se sente impressionado com o atual momento do clube que o revelou para o futebol, depois de eliminar o rival na Copa da Inglaterra durante o final de semana.

"Particularmente, não estou surpreso. Acho que posso dizer que sua posição reflete o estágio em que estão neste momento", afirmou. "Eles são muito dependentes da sua dupla de estrelas (Gerrard e Carragher), e se eles estão fora, a tendência é de cair", afirmou o ex-jogador da seleção inglesa.

Owen ainda refutou uma possível recepção ruim da torcida do seu ex-clube ante as suas declarações, reforçando a má fase do time dentro e fora de campo.

"Eu não acho que eles (torcedores) deixariam de me perdoar se eu falasse o que eles me disseram", afirmou o jogador, sem explicitar o fato, mas continuando a criticar a atual política do time.

"De quando eu estava lá tudo mudou exceto dois jogadores. Eles ainda se livraram dos médicos e do staff técnico. Se houvesse apenas uma razão (para os problemas), isso já teria sido corrigido. Mas existem tantas", bradou o jogador, que luta contra as lesões desde que saiu do Real Madrid, em 2005.

Leia tudo sobre: InglaterraLiverpoolManchester United

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG