Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Osasuna anuncia a demissão de Camacho

Experiente técnico espanhol disse estar triste e incapaz de trabalhar ao comentar a sua saída do time

AE |

selo

O Osasuna demitiu nesta segunda-feira o técnico José Antonio Camacho, após a equipe entrar na zona de rebaixamento do Campeonato Espanhol com a derrota por 1 a 0 para o Real Sociedad, no domingo. O clube explicou em seu site oficial que ainda não definiu o substituto de Camacho, mas Jose Luis Mendilibar, ex-técnico do Valladolid, é o favorito, de acordo com a imprensa espanhola. O assistente Pepe Carcelén também foi demitido.

Camacho já treinou o Espanyol, o Real Madrid e o Benfica, além de ter comandado a seleção da Espanha por quase quatro anos, incluindo a Copa do Mundo de 2002. "Estou triste e incapaz de trabalhar", disse Camacho após o anúncio. "Eu não estava esperando isso".

Foi sua terceira temporada no comando do clube basco, que caiu para o 18º lugar com a derrota para o Real Sociedad. Osasuna terminou em 12º e 15º nas duas temporadas anteriores. "Eu cheguei aqui para manter a equipa na primeira divisão e eu a deixei na primeira divisão", disse Camacho. "Este ano tem sido mais difícil".

O Osasuna venceu apenas uma vez em seus últimos 11 jogos no Campeonato Espanhol, com um triunfo por 1 a 0 sobre o vice-líder Real Madrid. Camacho, de 55 anos, é o sexto treinador a ser demitido no Campeonato Espanhol nesta temporada.

Leia tudo sobre: futebol mundialespanhaOsasunacamachotécnico

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG