Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Operário ganha bola de Ronaldo, mas fica sem autógrafo

Durante festa, prefeito ensaiou cobrança de pênalti defendida pelo ex-atacante em Itaquera, local da abertura da Copa

Paulo Passos, iG São Paulo |

Guilherme Tosetto
Operário com a bola que ganhou durante a festa em Itaquera
Rápido como um bom marcador, Anderson Teixeira se posicionou próximo a Ronaldo . Após o atacante participar de uma brincadeira com o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, no gol do futuro estádio corintiano em Itaquera , o operário que trabalha na obra recebeu a bola das mãos do “Fenômeno”.

VEJA TAMBÉM: Em Itaquera, Ronaldo rouba cena e ofusca políticos

AE
Ronaldo se prepara para pênalti no campo do Itaquerão
“Foi assim: o Kassab chutou, o Ronaldo pegou a bola com a mão e eu fiquei olhando. Ai ele me deu a bola”, conta Anderson, que é armador de ferragens. “Só faltou o autógrafo. Será que ele ainda está aqui?”, completou. Não, Ronaldo já havia ido embora.

“Mesmo assim vou guardar e colocar na minha sala”, diz. O operário trabalha há um mês na obra do estádio, que receberá a abertura da Copa do Mundo de 2014 . Espera trabalhar até dezembro de 2013, data prevista para o final das obras. “Até lá, teremos muito o que fazer”, afirma.

As obras no estádio corintiano começaram em maio deste ano. O clube espera inaugurar a arena no início de 2014, seis meses antes do primeiro jogo da Copa. Além da abertura, o Itaquerão receberá outras cinco partidas, sendo uma das semifinais do Mundial.


 

Leia tudo sobre: CorinthiansRonaldoCopa 2014

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG