Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Olaria e Vasco empatam e vão se encontrar na semifinal

Com o empate por 2 a 2, em Macaé, Olaria garantiu a classificação e eliminou o Botafogo da Taça Rio

Gazeta |

null

Em um jogo muito movimentado, Olaria e Vasco ficaram no empate por 2 a 2, neste domingo, em Macaé, pela Taça Rio. Com o resultado, o time da Rua Bariri se classificou para as semifinais e vai reeditar o confronto contra os cruz-maltinos nas semifinais do segundo turno do Campeonato carioca.

O Olaria chegou a abrir 2 a 0, mas permitiu que o Vasco chegasse a igualdade, com um gol já nos acréscimos. Assim, os cruz-maltinos terminaram na primeira colocação do grupo A enquanto o time da Rua Bariri ficou sem segundo no B.

 O jogo 
Mesmo já classificado, o Vasco começou a partida tendo o domínio das ações. Tanto que logo com quatro minutos os cruz-maltinos quase abriram o placar. Após boa troca de passes, Leandro tocou para Diego Souza na área. O meia chutou cruzado, mas a bola passou a esquerda da trave do Olaria.

O lance inicial foi exceção, pois o Olaria, precisando somente do empate para avançar para as semifinais, apenas explorava os contra-ataques e se defendia das investidas do Vasco. Os cruz-maltinos rondavam a área adversária, mas não conseguima levar perigo ao gol de Henrique.

No entanto, quem abriu o placar foi o Olaria, aos 17 minutos. O atacante Valdir recebeu na área, pela esquerda, puxou para o meio e chutou cruzado. A bola bateu na perna de um defensor e foi no canto direito de Fernando Prass.

O revés não mudou a postura do Vasco, que permaneceu tendo a maior posse de bola, mas sem conseguir penetrar na defesa do Olaria. Os cruz-maltinos só chegaram com perigo aos 32 minutos. O zagueiro Anderson Martins cruzou para Éder Luís, que matou a bola, mas chutou em cima da zaga adversária. O Olaria, em um dos poucos ataques, quase ampliou cinco minutos depois. Após falha do sistema defensivo, a bola chegou em Danilo. O meia tentou encobrir Fernando Prass, que defendeu sem problema.

A partida passou a ficar mais movimentada, com o Vasco conseguindo chegar com mais perigo ao gol do Olaria. Aos 39 minutos, o zagueiro Anderson Martins tentou de longe e quase supreendeu o goleiro Henrique. Um minuto depois Allan cruzou, Diego Souza tentou cabecear e a bola sobrou para Leandro. Oatacante chutou, mas em cima da zaga do time da Rua Bariri.

AE
Vasco e Olaria não saíram do empate neste domingo

Nos minutos finais, o Vasco seguiu pressionando e quase empatou aos 42 minutos. Felipe achou Diego Souza pela direita, mas o meia finalizou muito fraco, nas mãos de Henrique. No minuto seguinte, após cobrança de escanteio, Dedé escorou e o atacante Leandro tentou uam puxada, mas a bola bateu no travessão e foi para fora. Com isso, os cruz-maltinos tivera que ir para o intervalo atrás no placar.

A etapa final começou com o Olaria mais ligado. Logo no primeiro ataque, o lateral-esquerdo Amarildo assustou o goleiro Fernando Prass em chute da entrada da área. Só que aos quatro minutos, em boa jogada do setor ofensivo, a bola foi cruzada rasteira para Felipe, que se antecipou a marcação e concluiu para o gol para fazer o segundo do time da Rua Bariri.

Mesmo após o novo revés, o Vasoc continuou buscando o gol e quase diminuiu aos seis. Após cruzamento, o goleiro Henrique soltou nos pés de Felipe. No entanto, quando o meia finalizou, a bola bateu na zaga e saiu da área. Só que o Olaria quase fez o terceiro logo depois. Em boa tabela, Felipe recebeu na área, mas finalizou muito mal.

Aos poucos, o Vasco passou a pressionar mais e chegou o gol aos 19 minutos. O meia Diego Souza foi derrubado pelo goleiro Henrique dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Bernardo, que havia entrado pouco tempo antes, cobrou com categoria, sem chance para Henrique.

O gol incendiou o Vasco, que aumentou a pressão sobre o Olaria. Aos 25 minuitos, Bernardo lançou Felipe, que entrou na área, mas quando finalizou jogou em cima de Henrique. No minuto seguinte, após cobrança de escanteio, a bola passou por todo mundo e chegou para Dedé. No entanto, o zagueiro errou a cabeçada.

A partida ficou aberta e o Olaria quase ampliou aos 28 minutos. O goleiro fernando Prass sai errado e dá nos pés de Felipe. O atacante rola para Valdir, que fica de frente para o gol, mas chuta em cima de Dedé. A bola ia entrando, mas o zagueiro Anderson Martins se estica e tora o perigo. O lance seguinte, Bernardo arriscou da entrada da área e obrigou Henrique a fazer grande defesa. Mais dois minutos e foi a vez do atacante Élton perder mais um gol para o Vasco. O atacante tentou de bicicleta e colocou a direita da trave.

O jogo permanecia o mesmo, mas o Vasco só voltou a assustar aos 37 minutos. Éder Luís recebeu pela diretia, na área e chutou, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora. A resposta do Olaria veio no minuto seguinte quando Victor arriscou de fora da área e obrigou Fernando Prass a defender em dois tempos.

Quando parecia que o resultado estava consolidado, o Vasco chegou ao empate já nos acréscimos. Após cobrança de escanteio, Rômulo cabeceou para o gol. No restante do tempo, o Olaria recuou inteiramente e segurou a igualdade até o apito final do árbitro.

FICHA TÉCNICA: OLARIA 2 X 2 VASCO

Local: Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ)
Data: 17 de abril de 2011, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (RJ)
Assistentes: Rodrigo Correa e Wendel Gouvea (ambos de RJ)
Cartões amarelos: Danilo, Renatinho e Henrique (Olaria); Felipe e Felippe Bastos (Vasco)

GOLS:
OLARIA: Valdir, aos 17 minutos do primeiro tempo; Felipe, aos quatro minutos do segundo tempo
VASCO: Bernardo, aos 19 minutos do segundo tempo; Rômulo, aos 46 minutos do segundo tempo

OLARIA: Henrique; Ivan, Thiago Eleotério, Rafael e Amarildo; David, Renan (Renatinho), Danilo (César) e Victor; Felipe e Valdir (Boniek)
Técnico: Cleimar Rocha

VASCO: Fernando Prass; Allan, Dedé, Anderson Martins e Márcio Careca; Rômulo, Fellipe Bastos, Felipe (Élton) e Diego Souza; Eder Luis (Enrico) e Leandro (Bernardo)
Técnico: Ricardo Gomes

 

Leia tudo sobre: Vascocampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG