Jogador brincou com os jornalistas durante toda a entrevista coletiva e se mostrou entusiasmado

Novo dono da camisa nove do Figueirense , o atacante Somália foi apresentado à torcida e prometeu resolver os problemas do setor ofensivo da equipe no Campeonato Brasileiro. O jogador brincou com os jornalistas durante toda a entrevista coletiva e se mostrou entusiasmado por voltar a jogar a Série A.

Somália era o principal destaque do lanterna Duque de Caxias na Série B. O jogador foi contratado para ser a principal referência da equipe no ataque, que não poderá contar com Aloísio e Rhayner, machucados.

"Estou muito feliz em fazer parte do Figueirense. Já conhecia seis jogadores, com isso fica mais fácil o entrosamento com os outros companheiros. Quero trabalhar junto com meus colegas de clube para fazer uma boa campanha no Brasileirão e dar muita alegria à torcida", afirmou o atacante.

Somália ainda revelou o pedido que o presidente do Figueirense fez em sua chegada ao clube. Segundo o atacante, o mandatário disse que espera pelo menos 20 gols seus nesta temporada, o que motivou ainda mais o artilheiro a entrar com vontade de balançar as redes em sua estreia.

"Eu não tenho muito que prometer gols, mas quando se veste a camisa nove, os gols tem que partir de você. Eu tenho visto os jogos do Figueirense e tem surgido muita oportunidade. O presidente falou que gostaria de me ver marcando 20 gols e eu vou trabalhar para isso", completou Somália.

A expectativa da diretoria do Figueira é que o atacante estreie no jogo de domingo, contra o Flamengo, no Orlando Scarpelli. Para isso, o nome de Somália deverá ser regularizado no Boletim Informativo Diário da CBF até sexta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.