Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

"Novela Kleber" atrapalha muito mais a equipe do que o atacante

Levantamento feito pelo iG mostra que fundamentos do Palmeiras caíram, mas atleta não sofreu tanto

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

É nítido que o Palmeiras caiu de rendimento nas últimas partidas. Tentando achar um motivo para a queda de produção, Luiz Felipe Scolari identificou a novela Kleber na transferência para o Flamengo como um dos motivos que atrapalharam a união de sua equipe e afirmou que precisará fazer mudanças para reconstruir a “casinha”. O fato é que todo o imbróglio afetou muito mais o conjunto do que o próprio jogador.

O iG fez um levantamento com os números do Footstats, que também disponibiliza um aplicativo gratuito para iPad e iPod para você verificar as estatísticas do seu time, que provou que Kleber não teve uma queda de rendimento na maioria dos fundamentos. O Palmeiras, no entanto, perdeu em quase todos eles.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

O levantamento considera os seis jogos antes da novela se agravar, com a contusão de Kleber, e os seis depois, quando os capítulos chegaram ao seu fim por causa do 7º jogo do atacante com a camisa do Palmeiras.

AE
Depois de toda polêmica envolvendo sua possível transferência para o Flamengo, Kleber não conseguiu brilhar pelo Palmeiras

 

O primeiro fator que evidencia a perda da equipe é no aproveitamento. Foram 11 pontos nos 18 primeiros disputados, sendo uma derrota contra o Ceará, três vitórias, contra Botafogo, Atlético-PR e Avaí, e dois empates, diante de Cruzeiro e Internacional, o que totaliza um aproveitamento de 61%. Nos últimos 18 que estiveram em jogo, a equipe somou apenas seis, com uma vitória, contra o Figueirense, três empates, contra Flamengo, Coritiba e Grêmio, e duas derrotas, contra Fluminense e Vasco, resultando em 33% de conquistas. Além disso, o Palmeiras marcou dez gols na “primeira era” e a metade na segunda.

Palmeiras antes e depois da novela

Veja a análise de alguns fundamentos do Palmeiras antes e depois da polêmica com Kleber.
*O número de passes deve ser multiplicado por 10

Gerando gráfico...
Danilo Lavieri, iG São Paulo


 

 

Outro número que mostra a derrocada palmeirense é de finalizações. Nos seis jogos com Kleber antes da novela, o time acertou 34 vezes o gol adversário e errou 57 tentativas. Após o último capítulo, no mesmo número de jogos, a equipe acertou 29 vezes e errou 67. Essa, aliás, foi uma das análises de Felipão, que afirmou que antes o time não criava tanto, mas sempre fazia um ou dois gols.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

Nesse quesito, Kleber também caiu. Antes da polêmica, ele finalizou seis vezes de forma certa em seis partidas. Depois, a média passou a ser a metade, com apenas três acertos. Os passes são outro termômetro que mostram a diferença do antes e depois.

Na sequência inicial, foram 1631 passes certos e 221 errados. Nos últimos seis duelos, foram 1509 passes certos e 267 errados. O time passou a ser mais individualista, com 164 tentativas de dribles contra 100 nos seis primeiros jogos. Kleber, por sua vez, passou a tentar 44 dribles contra os 28 que foram anteriormente tentados, mas seu acerto também aumentou: 20 contra 31.

Por último, o Palmeiras passou a perder muito mais bola. Foram 258 bolas perdidas contra 277. Já o camisa 30 perdeu 64 bolas antes da novela, contra 44 após o drama. Até por isso, Felipão já cogita mudar mais uma vez o esquema palmeirense, tirando até mesmo Kleber da equipe.

 

Kleber antes e depois da novela

Veja a análise de alguns fundamentos do Kleber antes e depois da novela

Gerando gráfico...
Danilo Lavieri, iG São Paulo
Leia tudo sobre: palmeiraskleberfelipãobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG