Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Novatos garantem vitória com Ronaldinho Gaúcho apenas na torcida

Vander e Wanderley marcam e Flamengo vence por 2 a 0 o Volta Redonda em sua estreia no Campeonato Carioca

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

A torcida do Flamengo ainda vive a expectativa de ver Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves em campo com a camisa do clube. Mas nesta quarta-feira, ela teve a chance de acompanhar outros reforços, que mostraram porque foram contratados para esta temporada. Com um gol de Vander, outro de Wanderley e boas defesas do goleiro Felipe, o time venceu por 2 a 0 o Volta Redonda, no Engenhão, e saiu de campo líder do Grupo A da Taça Guanabara.

Ronaldinho e Thiago Neves engrossaram o coro dos torcedores no Engenhão. Eles assistiram ao jogo de um camarote, cercados de seguranças. Os dois ainda não devem estar em campo contra o América, sábado, em Edson Passos, pela segunda rodada da competição. A torcida ainda vai precisar esperar para vê-los em ação.

nullSem seus astros principais, o Flamengo começou morno no primeiro tempo e, apesar de dominar as ações, não conseguia levar perigo ao gol de Mauro. A primeira defesa, inclusive, foi de Felipe, em chute de Lopes, aos 21 minutos.

Na parada técnica, que acontece em torno dos 20 minutos de cada tempo, aconteceu algo curioso. Os jogadores do Volta Redonda Radamés, que estava com o número 8, e Leandrinho, então 7, trocaram de camisa. Eles entraram em campo com a numeração invertida em relação à súmula do jogo.

De volta ao campo, o Flamengo finalmente conseguiu fazer uma boa jogada e empolgar a torcida no Engenhão. Depois de uma das inúmeras roubadas de bola de Willians no jogo, Leonardo Moura puxou contra-ataque, tabelou com Fierro e chutou cruzado, com perigo, aos 35 minutos.

Vander ensaiou o gol num chute de longa distância, aos 38 minutos. Até que o garoto que veio do Bahia recebeu de Leonardo Moura pela direita, se livrou do marcador e cruzou para o meio da área, contando com o desvio do zagueiro Padovani para abrir o marcador para o Flamengo, aos 44 minutos.

nullFoi a vez então de o goleiro Felipe mostrar seu talento. Com duas boas defesas, evitou o empate do Volta Redonda, em chute de Glauber, aos nove minutos, e numa cabeçada de Ávalos, aos 10. Ele teve seu nome gritado pela torcida no Engenhão e aumentou seu prestígio, que já era grande depois do pênalti defendido no amistoso com o Londrina.

Depois de uma pequena pressão do adversário, o Flamengo voltou ao ataque com Marquinhos e Wanderley nos lugares de Fierro e Deivid. Deu resultado. Em mais uma boa jogada, Leonardo Moura driblou o marcador e cruzou na cabeça de Wanderley, que não desperdiçou, aos 16 minutos do segundo tempo, comemorando com uma alegria pura de quem busca seu espaço num grande clube.

Por enquanto, esse é o Flamengo versão 2011. Ainda em construção, como seu centro de treinamento, com peças para incrementar sua engrenagem e com o técnico Vanderlei Luxemburgo discreto, sem terno e gravata, apenas de camisa pólo com o escudo do clube.

FICHA TÉCNICA - FLAMENGO 2 x 0 VOLTA REDONDA

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro
Data: 19 de janeiro de 2011, quarta-feira
Horário: 22h (horário de Brasília)
Árbitro: Pathrice Maia (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Pereira Joia e Silbert Faria Sisquim (ambos do RJ)
Cartão amarelo: Fabinho (VR)
Público: 6.881 pagantes
Renda: R$ 137.170,00

GOLS:
Flamengo: Vander, aos 44 minutos do primeiro tempo. Wanderley, aos 16 minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, David e Egídio; Fernando, Willians, Fierro (Marquinhos) e Renato; Vander e Deivid (Wanderley). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

VOLTA REDONDA: Mauro, Thiago Maciel, Padovani, Ávalos e Fabinho; Jonilson, Radamés (Adenis) e Lopes (Glauber); Leandrinho, Jean e Gilmar (Tássio). Técnico: Márcio Bittencourt

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG