Tamanho do texto

Argentino conseguiu marca história, mas o time de Milão foi derrotado e segue sem vencer no Italiano

Getty Images
Zanetti ganhou braçadeira especial como homenagem, mas festa não foi completa
A Inter de Milão tinha tudo para finalmente espantar a má fase que vive e sacramentar sua primeira vitória no Campeonato Italiano deste ano. Entretanto, a festa prometida pela equipe se transformou em um novo pesadelo para os torcedores milaneses, que viram seu time ser derrotado por 3 a 1, pelo modesto Novara, no estádio Silvio Piola.

A partida era especial para o argentino Javier Zanetti, que chegou a 757 jogos pela Inter de Milão, ultrapassando Giuseppe Bergomi e se consagrando como o jogador que mais vezes vestiu a camisa do clube. O experiente ala inclusive entrou em campo com uma braçadeira de capitão personalizada, que fazia alusão à marca histórica alcançada.

Entretanto, Zanetti viu sua equipe mais uma vez tropeçar nos próprios erros e facilitar a vida do recém-promovido Novara, que dominou grande parte do jogo e não teve problemas para sufocar qualquer reação da Inter de Milão.

Os donos da casa tiveram a chance de abrir o placar logo no primeiro minuto de jogo, quando uma desatenção dos defensores da Inter e do goleiro Júlio César quase culminou no gol dos donos da casa. O arqueiro brasileiro não conseguiu chegar a tempo na bola recuada por Chivu e deu a chance para Meggiorini dominar e chutar para fora.

Errando muitos passes e ineficiente no ataque, a Inter permaneceu irreconhecível aos olhos de sua torcida durante toda a primeira etapa. A situação ficou ainda mais complicada aos 37 minutos, quando Cambiasso perdeu a bola no meio-campo e armou o contra-ataque do Novara. A equipe trabalhou bem a bola e Meggiorini recebeu sozinho dentro da área para abrir o placar.

Jogadores do Novara comemoram um dos gols que manteve o time invicto no Campeonato Italiano
Getty Images
Jogadores do Novara comemoram um dos gols que manteve o time invicto no Campeonato Italiano

A conversa do técnico Gianpiero Gasperini com os jogadores da Inter, durante o intervalo, não surtiu nenhum efeito, e aos sete minutos de jogo, o Novara quase ampliou sua vantagem. Mazzarani arrancou em direção ao gol e não recebeu o combate de nenhum defensor, ficando frente a frente com Júlio César, que cresceu diante do meia e conseguiu fazer a defesa.

Na dianteira do placar, o Novara apenas se deu o trabalho de administrar a vantagem e sufocar qualquer reação da Inter de Milão. A partida se manteve no mesmo ritmo, até que os donos da casa, que retornaram à elite do Italiano nesta temporada, praticamente sacramentaram sua vitória aos 40 minutos de jogo. O atacante Morimoto invadiu a área e foi derrubado por Ranocchia, que recebeu cartão vermelho. Na cobrança do pênalti, Rigoni chutou firme e aumentou a vantagem para o Novara.

Quando a partida parecia ter chegado ao fim, Cambiasso aproveitou uma bobeada da zaga e diminuiu para a Inter aos 44 minutos de jogo. Se os torcedores nerazzurri esperavam uma reação e a conquista de um empate, a esperança acabou dois minutos depois, quando Rigoni recebeu mais uma vez dentro da área e deu números finais ao jogo.

Com a derrota, a Inter de Milão segue sem vencer um jogo oficial nesta temporada. A equipe acumulou sua segunda derrota na competição e se manteve na parte inferior da tabela, ao mesmo tempo em que o Novara conquistou sua primeira vitória no campeonato e segue sem perder no Italiano.