Ricardo Gomes avisa que jogador com nome terá de comprovar dentro de campo que merece ser titular

Com a chegada de reforços, o técnico do Vasco , Ricardo Gomes, terá uma enorme dor de cabeça pela frente. Jogadores como Elton, Leandro e Diego Souza (deve ser apresentado na segunda-feira) chegam com status de medalhão. Há, no entanto, atletas de menos visibilidade no elenco, mas que vêm enchendo os olhos do treinador. No decorrer das competições que terá pela frente, o técnico perderá algumas noites de sono até achar a melhor formação. De antemão, Ricardo Gomes deixa claro que as vagas serão conquistadas no campo. Nome, com ele, não ganha jogo.

“Aqui ninguém ganha no grito. Não é porque tem nome que chega para ser titular. Comigo não tem isso”, afirmou o comandante vascaíno. “As posições serão conquistadas no dia a dia, nos treinamentos”, completou.

Ricardo Gomes tem experiência no assunto. Dirigiu no mesmo time jogadores como Romário, Edmundo, Roger e Ramon (Fluminense, em 2004) e Diego e Robinho (Pré-Olímpico, no mesmo ano). Não é fácil lidar com tantos craques. Mas, como líder, a última palavra será sempre a sua.

“Hoje, por exemplo, tem jogadores ganhando espaço. Jogará quem estiver melhor. O importante é ter um elenco forte que me possibilite mexer na equipe e que o jogador que estiver entrando possa manter a desenvoltura. Estou mais perocupado com o conjunto".

Com a chegada de reforços, Ricardo Gomes terá uma enorme dor de cabeça pela frente
Maurício Val / Fotocom.net
Com a chegada de reforços, Ricardo Gomes terá uma enorme dor de cabeça pela frente

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.