Vitória por 1 a 0 não coloca o time na liderança do Paranaense, mas abre vantagem diante do rival Atlético-PR

Em uma partida sonolenta no Estádio Couto Pereira, o Coritiba suou para arrancar uma vitória magra, de 1 a 0, com gol no finalzinho, diante do Toledo Colônia Work, pela primeira rodada do segundo turno do Campeonato Paranaense 2012. Com o resultado, o clube não alcançou o topo da classificação, mas abriu uma diferença para o Atlético Paranaense, que perdeu para o líder Londrina.

Confira a classificação do Campeonato Paranaense

A partida começou muito estudada, sem ninguém encaixar algum ataque mais contundente. Somente aos seis minutos o primeiro chute, e foi do Toledo, com Diego Dedoné, que recuou para Vanderlei. Na resposta, Caio Vinícius apareceu na cara do gol, mas facilitou a vida de Cléberson. De longe, Tcheco arriscou o chute, aos 10 minutos, pela linha de fundo.

Coritiba não fez uma boa partida diante do Toledo
Futura Press
Coritiba não fez uma boa partida diante do Toledo

Poucas emoções em campo, com muitos erros de passes de ambos os times. Se conseguir penetrar na defesa, Éverton Ribeiro chutou da intermediária, aos 13 minutos, sem perigo algum. Rafinha tentou acabar com o marasmo em jogada individual quer terminou nos pés de Lincoln, que chutou em cima do goleiro. De cabeça, Pereira aproveitou vacilo da defesa, aos 20 minutos, e por pouco não abriu o placar.

O Coritiba começou a dominar as ações, ainda que de forma tímida em um jogo morno. Aos 26 minutos, Éverton Ribeiro abriu espaço na defesa e fuzilou para fora. A única arma do Alviverde era o chute de fora da área. Lucas Mendes também tentou aos 31 minutos, à esquerda da meta. O time da casa errava demais e o torcedor pegava no pé. Aos 44 minutos, Fernandinho levantou na entrada da área e a defesa afastou.

Depois do intervalo, o Coritiba retornou com Marcel e Renan Oliveira para tentar mudar o panorama da partida. Logo em seu primeiro lance, aos dois minutos, Renan Oliveira isolou a bola, mostrando que também não estava com a pontaria em dia. A partida continuava fraca sem emoção. Aos sete minutos, Rafinha invadiu a área e errou o passe para Marcel.

Mais mudança no Alviverde, com a entrada de Gil no lugar de Éverton Ribeiro. Aos 18 minutos, o volante mostrou vontade e chutou pela linha de fundo. Gil apareceu novamente aos 23 minutos, entrando na área depois de tabela, mas arrematando mal. Nada de arremates perigosos ou defesas espetaculares em um jogo letárgico no Alto da Glória.

Com tantos erros, o zagueiro Everton quase empurrou para dentro do próprio gol, aos 30 minutos. Só assim para ter um pouco de emoção. Os jogadores do Coritiba estavam visivelmente nervosos com uma segunda etapa ainda pior do que a primeira. Aos 38 minutos, a bola cruzou a área do Porco e o goleiro Cléberson afastou de soco. Quando as esperanças pareciam ter chegado ao fim, Marcel, aos 43 minutos, apareceu na área para aproveitar cruzamento de Gil e desviar para as redes.

Na próxima rodada, o Coritiba enfrenta o Corinthians Paranaense, domingo, no Eco Estádio Janguito Malucelli, na capital paranaense. Já o Toledo Colônia Work recebe o Rio Branco, no mesmo dia, no Estádio 14 de Dezembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.