Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Neymar reclama de cotoveladas dos palmeirenses

Camisa 11 do Santos enfrentou problemas em campo com o atacante Kleber e o lateral Cicinho, do Palmeiras

Samir Carvalho, iG Santos |

Divulgação/ZDL
Neymar e Kleber disputam bola durante o jogo
Além de criticar a torcida que protestou contra o meia Paulo Henrique Ganso, após a derrota do Santos diante do Palmeiras por 1 a 0 neste domingo, na Vila Belmiro, Neymar reclamou da marcação forte no jogo. O atacante acusou os adversários de disparar cotoveladas em campo.

“Eu não tenho problemas com o Kleber, mas eu reclamei de uma cotovelada, mas é do jogo. O Cicinho me acertou três cotoveladas. Eu falei para ele se ele estava de sacanagem, mas tudo bem, faz parte do jogo”, reclamou Neymar.

No inicio da partida, o camisa 11 sofreu uma cotovelada de Kleber e revidou com um falta por trás no camisa 30 do Palmeiras. Neymar, inclusive, recebeu o cartão amarelo na jogada. Apesar de reclamar do adversário, o atacante santista foi acusado de dar uma cotovela no lateral-direito Cicinho.

Neymar não superou a defesa do Palmeiras, que sofreu apenas seis gols no Campeonato Paulista. O atleta sofreu forte marcação de Cicinho, e viu Kleber decidir a partida com um gol na segunda etapa. “O Kleber é um grande jogador, desequilibrou”, concluiu o camisa 11.

Além de Neymar, o técnico Marcelo Martelotte também reclamou das cotoveladas dos atletas do Palmeiras. “Tivemos cotoveladas no jogo, mãozadas na cara, carrinhos que foram faltas e outros que a arbitragem deixou passar”, disse o treinador.

 


 


 

Leia tudo sobre: santospalmeirasneymarcicinhokleber

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG