Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Neymar não é suspenso pelo STJD e pode enfrentar o Vasco

Camisa 11 foi julgado por desrespeitar o árbitro da partida entre Atlético-MG e Santos, na 29ª rodada

Samir Carvalho, iG Santos |

O atacante Neymar , julgado nesta segunda-feira por desrespeitar o árbitro no jogo entre Santos e Atlético-MG , pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por apenas um jogo de suspensão. Como já cumpriu na rodada seguinte – diante do Grêmio , o atleta pode atuar contra o Vasco, no próximo domingo, na Vila Belmiro, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Gazeta Press
Neymar é expulso do jogo contra o Atlético-MG, em Sete Lagoas, recebe bronca de Muricy

A Procuradoria enquadrou o jogador no artigo 258 do CBJD (assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva - desrespeitar os membros da equipe de arbitragem) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). A pena poderia chegar a seis partidas de suspensão.

Veja também: "Inspirado no Corinthians", Santos lança Cruzeiro do Centenário

O advogado do Santos, João Gazzola, alegou que Neymar não poderia receber uma punição grave, pois não xingou o árbitro. Gazzola também declarou que a atitude do jogador em relação ao juiz foi influenciada pelo excesso de faltas recebidas na partida contra o Atlético-MG

O atacante foi a julgamento após o árbitro da partida entre Atlético-MG e Santos, em Sete Lagoas, Wilton Pereira Sampaio, relatar na súmula do jogo que foi ofendido pelo atleta.

Leia também: classificação do Brasileiro. Santos é 10º colocado

“Você está de palhaçada comigo”, foram as palavras que provocaram a expulsão do atacante no final do segundo tempo.

Além da frase, o juiz também relatou como ofensivo os gestos de Neymar ao reclamar da marcação de uma falta cometida pelo atacante no volante Pierre. “O atleta foi expulso de forma direta por empregar linguagem ofensiva e gesticular de modo abusivo contra minha pessoa".

Após fazer a falta em Pierre, Neymar recebeu o cartão amarelo por ofender o árbitro. Em seguida, o atacante aplaudiu Sampaio ironicamente e recebeu o cartão vermelho.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e comente sobre a decisão do STJD

 

 

 


 

Leia tudo sobre: santosstjdneymarbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG