Atacante sofreu com uruguaios, mas usou seu talento para se livrar das botinadas

Neymar foi o maior destaque do Santos na Libertadores
AFP
Neymar foi o maior destaque do Santos na Libertadores
Neymar marcou o gol que abriu a vitória do Santos contra o Peñarol por 2 a 1 , na quarta-feira, e contribuiu decisivamente com o título da Libertadores com seis gols ao longo da campanha. Mas na partida final disputada no Pacaembu, Neymar se destacou muito além do gol. Usou seu talento para passar pelos uruguaios e só conseguiu ser parado com falta, como virou marca na ainda curta carreira do prodígio de 19 anos.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

Contra o Peñarol, Neymar tentou 11 dribles, teve sucesso em quatro e foi parado seis vezes com falta após tentar passar um rival. Nenhum outro jogador recebeu mais faltas no jogo. Ele ainda foi desarmado uma vez na bola. Em Montevidéu, há uma semana, Neymar driblou o mesmo número de vezes, mas sofreu quatro faltas e conseguiu passar seis vezes por um rival. Os números são da Footstats e estão disponíveis no aplicativo iG Esporte para iPhone e iPad.

Além de Neymar, outro grande destaque da partida que deu o título ao Santos foi Arouca , autor da assistência no gol do atacante santista. O volante deu 39 passes certos durante a partida, um a mais que Ganso. O meia, por coincidência, deu de calcanhar a bola para Arouca antes de ele achar Neymar na entrada da área antes de chutar para o gol de Sosa.

Os números da Footstats ilustram bem a superioridade santista em todo o jogo. O Santos teve 59% de posse de bola, contra 41% do Peñarol. Com mais tempo na bola no pé, a equipe de Muricy Ramalho conseguiu criar mais chances de gol. Foram 21 finalizações do Santos (oito certas), contra apenas cinco do Peñarol, todas fora do alvo. O gol uruguaio foi contra, de Durval.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.