Jogador diz que pensou no time o tempo todo em que esteve com o grupo de Mano Menezes na Argentina

Divulgação
Thiago Neves tenta o gol em treino
Quatro dias fora do Flamengo , a serviço da seleção brasileira, não foram suficientes para Thiago Neves esquecer os problemas que o time vive. Sem vencer há oito jogos no Campeonato Brasileiro e com quatro derrotas consecutivas, o jogador só conseguiu pensar no clássico com o Botafogo , domingo, às 16h, no Engenhão, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Entre para a Torcida Virtual do Flamengo e coloque o time em 1º no ranking

“Para descansar, não deu. O Flamengo, da minha cabeça, não saiu. Tenho certeza que também não saiu da cabeça do Ronaldinho e do Renato. A gente fica pensando no que fazer para melhorar”, afirmou Thiago Neves, que foi o único dos três jogadores convocados por Mano Menezes a atuar no coletivo desta sexta-feira, já que ficou no banco durante o empate em 0 a 0 com a Argentina.

Sem marcar desde o dia 30 de julho, quando o Flamengo venceu por 2 a 0 o Grêmio, no Engenhão, Thiago Neves afirmou que a convocação para a seleção brasileira o ajudou a recuperar a confiança. Ele espera que o mesmo aconteça com os companheiros no clássico com o Botafogo.

Siga o Twitter do iG Flamengo e receba notícias do time em tempo real

“Se eu fizer gol, vou ficar feliz, mas se for outro, o importante é vencer. Estou preocupado em conseguir a vitória domingo. Eu caí de rendimento junto com o time e a convocação foi boa por isso. Voltei mais confiante. Tomara que aconteça o mesmo com todos. Clássico é o jogo ideal para a confiança voltar”, disse Thiago Neves. “É um jogo para entrar de novo na competição e ficar um ponto atrás do Botafogo”.

O Flamengo tem 36 pontos, quatro a menos do que o Botafogo. O líder da competição é o Corinthians, com 43.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.