Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Negociação de Paulão com time chinês rendeu piadas no Grêmio

Capitão Fábio Rochemback negou que zagueiro tenha ficado diferente com o assédio

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Bruno Junqueira, Divulgação
Paulão disputou 24 jogos pelo Grêmio
Surpresa para a torcida, realidade para os jogadores do Grêmio. A venda de Paulão era assunto no vestiário comandado por Renato Gaúcho. Ao menos foi o que o capitão Fábio Rochemback revelou ao comentar a saída do zagueiro para o chinês Evergrande Guangzhou.

"Ele falava com a gente direto. Disse que estava vendo algumas coisas. Se é bom para ele e para o Grêmio também, que seja feliz", comentou o volante.

Dentre as conversas, os colegas aproveitaram a oportunidade para brincar com Paulão. A principal, lógico, foi com as dificuldades que o defensor irá ter com o idioma mandarim.

"O Paulão é tranquilo. Em nenhum momento ficou diferente com a gente", completou Rochemback.

O lateral-esquerdo improvisado como meia Lúcio já tinha feito esta piada a partir da chegada de Escudero ao Grêmio. Segundo o jogador, Paulão provocava risadas nos colegas ao tentar falar em espanhol com o meia argentino.

Na China, porém, Paulão terá a ajuda de Muriqui e Cléo, outros brasileiros do elenco do time chinês. O ex-gremista irá se apresentar ao novo clube no domingo.

A saída de Paulão também abre a disputa por vaga na zaga gremista. Rodolfo é titular, mas o seu parceiro ainda não foi escolhido por Renato. Nesta quinta, diante do León, pela Libertadores, Rafael Marques é o escolhido.

Vilson, com inflamação na traqueia, Neuton e Saimon são as outras opções. Mário, zagueiro de origem, atualmente joga na lateral-direita e é reserva de Gabriel.
 

Leia tudo sobre: grêmiopaulão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG