Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Náutico elimina Bangu e pode enfrentar o Vasco na Copa do Brasil

Em Volta Redonda, no Rio, time pernambucano ganhou por 2 a 0 agora aguarda adversário para a próxima fase

Gazeta |

O Náutico derrotou o Bangu por 2 a 0 em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, pela segunda rodada da Copa do Brasil. Com o resultado, a equipe pernambucana eliminou o Bangu da competição e e agora vai esperar o ganhador do confronto entre Vasco e ABC-RN.

O time dos Aflitos começou a partida de forma tímida e suportou grande pressão do Bangu no primeiro tempo. No segundo tempo, a equipe nordestina subiu de produção, criou as melhores chances e marcou os gols que decidiram a partida enquanto o Bangu não teve mais forças para reagir.

Diante de um público muito pequeno, em Volta Redonda, o Bangu começou a partida no ataque e logo aos seis minutos, Ricardinho obrigou o goleiro Douglas a fazer sua primeira defesa difícil. O time carioca seguiu na pressão diante de um adversário muito recuado e aos nove minutos foi a vez de André Barreto concluir com perigo e Douglas apareceu bem mais uma vez, espalmando para escanteio.

O Náutico chegou pela primeira vez à área banguense aos 17 minutos em chute de Meneghel que nem deu para assustar mas a resposta do time da casa foi fulminante. Pipico mandou um chute violento que bateu no chão, encobriu o goleiro Douglas mas acabou saindo. Na jogada seguinte,. mais uma vez Pipico obrigou Douglas a se empenhar para evitar a queda do seu arco.

Depois de sofrer muita pressão, o Náutico adiantou sua equipe e, na jogada mais perigosa da equipe pernambucana, Meneghel acertou a trave da equipe carioca. A partida ficou mais equilibrada e no último lance emocionante do primeiro tempo, Wescley cabeceou e Thiago Leal fez grande defesa impedindo o primeiro gol da equipe visitante.

O Náutico voltou mais agressivo para o segundo tempo e logo aos quatro minutos marcou o primeiro gol em chute forte de Eduardo Ramos que quicou no chão e enganou o goleiro Thiago Leal. Aos seis, quase o Timbu amplia mas o chute cruzado de Airton passou bem perto da trave.

O gol desnorteou o time da casa que quase sofre o segundo gol aos 16 minutos em cabeçada de Meneghel que acertou a trave da equipe carioca. Só aos 23 minutos é que o Bangu ameaçou com um chute de Joziel que foi bem defendido por Douglas. O goleiro do time pernambucano voltou a aparecer aos 27 em chute de Thiago Galhardo.

O Bangu continuou com muita dificuldade de se aproximar da defesa do Náutico porque a forte marcação desenvolvida pelo time dirigido por Roberto Fernandes anulava os principais jogadores do adversário. E o Náutico teve a chance de ampliar aos 32 em chute de Rogério que foi bem defendido por Thiago Leal.

E o Bangu escapou de sofrer o segundo gol aos 41 minutos em chute de Eduardo Ramos que acertou a trave defendida por Thiago Leal, mas a sorte do time do Rio de Janeiro foi selada aos 45 minutos quando Eduardo Ramos voltou a marcar e eliminou a equipe de Moça Bonita da competição..

Leia tudo sobre: náuticobangucopa do brasil 2011vascoabc

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG