Zagueiro foi titular nas duas últimas partidas e o time não sofreu gols, deixando o campo com vitórias

O zagueiro Naldo esteve para deixar o Cruzeiro no início da temporada, sem chances no elenco quando o treinador era Cuca. Mas a oportunidade tão esperada veio com as ausências de Léo e Victorino. E o jogador não desperdiçou a chance, atuando com segurança nas vitórias diante do Vasco e do Grêmio. Nesses dois jogos, o time não levou gols.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Naldo falou sobre a boa fase da defesa cruzeirense, atuando ao lado de Gil. “Importante isso para o time, sem tomar gols e saindo com as vitórias. Mas tudo se deve ao grupo. Todos os jogadores, desde lá na frente, estão ajudando, se empenhando na defesa”, disse Naldo.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

O jogador falou sobre o período em que esteve no banco de reservas. “Estava trabalhando forte,a cada dia, sabendo que minha hora iria chegar. Nunca larguei nos treinos, sempre pegando firme. Até minha hora chegar, como chegou. Graças a Deus está dando certo. Mas cada jogo é um leão que tenho que matar”, ponderou Naldo.

O zagueiro esteve próximo de ser negociado com o Botafogo , mas a diretoria insistiu em sua permanência. “Tiveram algumas propostas, rumores. Como o elenco estava cheio no começo, para mim era mais difícil, ter que ficar de quarto, quinto zagueiro. Isso eu fui trabalhando e pensando que minha hora iria chegar. Agora tenho que aproveitar ao máximo”, concluiu o jogador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.