atacados por torcedores - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Na Vila, craques terminam jogo beneficente atacados por torcedores

Em campo, a equipe liderada pelo atacante Neymar e o ex-zagueiro Narciso venceu por 5 a 4 os amigos de Deco, do Fluminense, e Deivid, do Flamengo

Gazeta Esportiva |

O evento beneficente do início desta quarta-feira na Vila Belmiro tinha como principal objetivo ajudar a diminuir o sofrimento de pessoas carentes no Natal. Durante o jogo, os artistas do futebol brasileiro brindaram a torcida com jogadas plásticas e habilidosas. No fim, receberam um "presente de grego": foram atacados por um grupo de torcedores que invadiu o gramado.

O atacante André, atualmente no Dínamo de Kiev, foi o que mais sofreu. O ex-ídolo do Santos acabou cercado por muitos adolescentes. Na confusão, tiraram a camiseta do craque, que saiu com as costas arranhadas.

Em campo, a equipe liderada pelo atacante Neymar e o ex-zagueiro Narciso, técnico nas categorias de base do Santos, venceu por 5 a 4 os amigos de Deco, do Fluminense, e Deivid, do Flamengo. Apesar da confusão, o saldo da festa foi positivo, com 20 toneladas de alimentos arrecadadas.

"A gente fica feliz de estar participando, de ser convidado pelo Narciso, pelo Devid, é uma festa muito legal", ressaltou o meia Bruno César, do Corinthians.

Titular e capitão palmeirense no último jogo do ano contra o Cruzeiro, o goleiro Bruno utilizou o bom humor para lembrar que sofreu muito na festa. Afinal, não havia obrigações defensivas dos dois lados.

"Goleiro é complicado, zagueiro não protege como deveria. Você ainda enfrenta um time com Assunção, Elano, Falcão, Bruno César, Neymar e Dentinho. Nem dez goleiros parariam essa equipe", explicou o arqueiro.

Leia tudo sobre: futebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG