Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Na onda do "Dedeckenbauer", Dedé aparece em montagem parando Pelé

Depois de anular Neymar, zagueiro vira febre na Internet marcando o eterno ídolo santista

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

Na gíria do futebol, Dedé “parou” Neymar . Traduzindo: no aguardado duelo entre o zagueiro e o atacante, o jogador do Vasco anulou o santista na última quarta-feira, durante a vitória cruzmaltina pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro . De quebra, Dedé ainda marcou o segundo gol. As arquibancadas de São Januário não pararam de ovacionar seu mais novo representante na Seleção Brasileira. Em tempos de “Dedeckenbauer”, as provocações agora atingem outro alvo: no lugar do súdito Neymar, o Rei Pelé.

Siga o Twitter do iG Vasco e receba notícias do time em tempo real

Nas redes sociais, “bombou” uma montagem do camisa 26 vascaíno enfrentando o Atleta do Século – e maior jogador da história do Santos. O texto diz: “Malandro é o Pelé, que jogou antigamente para não enfrentar o Dedé”. Em lua de mel com o Vasco, o zagueiro agradeceu o carinho da torcida.

Entre para a Torcida Virtual do Vasco e convide seus amigos

“Conseguimos parar o Neymar e vencer o Santos. Só tenho a agradecer o apoio da torcida. Ela sempre me incentivou. Sempre me pediram na Seleção”, comemora o zagueiro.

Divulgação
O zagueiro Dedé em uma montagem marcando o Rei Pelé, maior jogador da história do Santos
Desde a convocação do jogador para o amistoso contra a Alemanha , em Stuttgart, dia 10 de agosto, o torcedor passou a chamar o zagueiro de Dedeckenbauer, numa alusão ao craque alemão Beckenbauer, campeão mundial como jogador e técnico pela seleção do seu país entre os anos 70 e 90.

Dedé é hoje motivo de orgulho para o clube, uma espécie de troféu para o torcedor, que desde 2006 não tinha um jogador vestindo a camisa amarela: o último foi o meia Morais, hoje no Corinthians.

“Torço e fico muito feliz pelo Dedé. A convocação dele foi merecida. Dedé está em grande fase e mereceu ser lembrado. Além de meu companheiro, Dedé se tornou um amigo e isso nos ajuda bastante dentro de campo”, comemora Anderson Martins.
 

Leia tudo sobre: vascodedébrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG