Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Na fronteira, Corinthians joga por um empate contra o Nacional

Nesta quarta-feira, o time do Parque São Jorge precisa conquistar um ponto para garantir vaga nas oitavas de final da Libertadores

Gazeta |

Gazeta Press
No jogo de ida contra o Nacional, o Corinthians venceu por 2 a 0
O Nacional ainda possui chances de se classificar às oitavas de final da Libertadores, mas tem tudo para ser figurante diante do Corinthians, na noite desta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília). A diretoria da equipe paraguaia transferiu o jogo para Ciudad del Este, fronteira com o Brasil, e espera lucrar com a provável presença maciça dos torcedores do Corinthians, que só precisam de um empate para deixarem o Estádio Três de Febrero felizes e qualificados para o mata-mata.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não podemos nos esquecer que, mesmo com a nossa torcida comparecendo em massa, jogaremos fora de casa. Ainda assim, é bacana saber que existem grupos de torcedores que nos acompanham", disse o goleiro Júlio César.

Como inaugurou a quinta e penúltima rodada do Grupo 6 empatando em casa com o já eliminado Deportivo Táchira, o mexicano Cruz Azul retomou a liderança, com os mesmos oito pontos e saldo de gols superior ao do Timão, embora tenha um jogo a mais.

Leia mais: Polícia ainda procura, mas crê já conhecer assassino de palmeirense

Se empatar, o Corinthians voltará ao topo e não poderá mais ser alcançado pelo Nacional, que tem quatro pontos. Em caso de vitória, os paulistas garantem também a vaga do Cruz Azul.

A equipe de Tite viajou segunda-feira para Foz do Iguaçu e recebeu recepção calorosa no aeroporto, lotado por cerca de 200 fanáticos. Fruto da boa fase que já rendeu a classificação às quartas de final do Paulistão - divide a liderança com o rival São Paulo - e que conserva o bom ambiente entre os jogadores.

O atacante Willian é um exemplo disso. A comissão técnica chegou a afastá-lo alegando "declínio técnico", mas não ouviu reclamações e agora exalta o trabalho "em silêncio" que recolocou o camisa 7 no time e rendeu o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Paulista, no último domingo, no Pacaembu.

Veja também: Corinthians é recebido com festa de torcedores em Foz do Iguaçu

Agora em alta, ele pode ser mantido entre os titulares, já que Jorge Henrique acabou de ser liberado pelos médicos. Emerson Sheik, outro que está recuperado, deve retomar a vaga que Cachito Ramírez ocupou no fim de semana. Alex e Alessandro seguem vetados.

FICHA TÉCNICA

 

NACIONAL-PAR X CORINTHIANS

Local: Estádio 3 de Febrero, em Ciudad del Este (Paraguai)
Data: 11 de abril de 2012 (quarta-feira)
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Patrício Loustau (Argentina)
Assistentes:Ernesto Uziga e Ivan Gabriel Núñez (ambos da Argentina)

NACIONAL-PAR: Ignacio Don; Mazacotte, Miranda, Caniza E Miers; Orué, Villarreal, Riveros e Torales; Germán Cano e Rodrigo Teixeira.
Técnico: Javier Torrente

CORINTHIANS Julio Cesar; Edenílson, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Danilo; Jorge Henrique (Willian), Emerson e Liedson.
Técnico: Tite

Leia tudo sobre: corinthiansnacionalcopa libertadores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG