Jogadores não suportaram a viagem longa para a cidade de Manizales, local do jogo contra o Once Caldas

Samir Carvalho
Neymar evita falar com a imprensa na chegada
A delegação do Santos desembarcou em Manizales por volta das 0h30 (horário de Brasília) nesta terça-feira. O atacante Neymar e o meia Elano desceram do ônibus passando mal devido à altitude de Manizales, que chega a 2.153 metros acima do nível do mar. Além disso, os dois jogadores sentiram a longa viagem para a cidade colombiana, local da partida entre Once Caldas e Santos nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no estádio Palogrande .

Neymar não quis falar com os repórteres e chegou cercado por seguranças do clube, que tentaram impedir que os jornalistas registrassem as fotos do camisa 11 do Santos. O atacante teve que se apoiar na mesa da recepção do hotel enquanto esperava o elevador. Elano estava ao lado de Neymar e admitiu aos repórteres que estava passando mal.

O Santos deixou o Brasil em voo fretado por volta das 15h (de Brasília), foi obrigado a pousar para reabastecer em Manaus, desembarcou na cidade colombiana de Pereira e seguiu de ônibus até Manizales, viagem que durou cerca de duas horas, em uma estrada cheia de buracos e curvas. 

“A estrada é bem complicada, está todo mundo até bem enjoado. Agora é descansar”, afirmou o lateral-esquerdo Léo.

Nesta terça-feira, os jogadores realizarão o reconhecimento de gramado do estádio Palogrande. O treino está marcado para as 20h (de Brasília). O Santos enfrenta o Once Caldas, da Colombia, pelas quartas de final da Copa Libertadores da América.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.