Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Muricy pode não divulgar escalação com antecedência

Camado quarteto mágico ofensivo corre o risco de ser desfeito por conta de uma lesão de Deco

Gazeta Esportiva |

O mistério pode se tornar um aliado do técnico Muricy Ramalho na hora de montar o time do Fluminense para o confronto decisivo deste domingo, às 17h (de Brasília), contra o Guarani no Engenhão, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador precisa de um simples triunfo para garantir o título e, por isso mesmo, o treinador pretende não se equivocar em nenhum aspecto que possa comprometer a taça, que o time carioca não ergue desde 1984.

O setor ofensivo do Fluminense está comprometido para este duelo e isso tem preocupado Muricy Ramalho. O chamado "quarteto mágico", pelos torcedores, corre o risco de ser desfeito por conta de uma lesão do meia brasileiro naturalizado português Deco, que deixou a vitória sobre o Palmeiras por 2 a 1 reclamando de dores no músculo anterior da coxa direita. O apoiador será reavaliado ao longo dos próximos dias e só irá a campo se treinar com bola na sexta-feira, quando Muricy costuma comandar o coletivo decisivo para armar a equipe.

Caso Deco sinta a lesão, Muricy Ramalho terá sérios problemas, pois Tartá, que seria o substituto natural, recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Palmeiras e terá que cumprir suspensão. Marquinho, outra opção do elenco, passou por cirurgia no braço direito, e só volta a atuar em 2011. Com isso, o treinador passa a ter que definir entre dois estilos de jogo, um muito defensivo e outro ousado demais.

Se optar por ser mais cauteloso, Muricy Ramalho deverá promover a entrada do volante Fernando Bob, que formaria dupla no setor com o colombiano Valencia. Assim, Diguinho ganharia mais liberdade para ajudar o argentino Darío Conca na criação. Se decidir ser mais ousado, o que dificilmente vai acontecer, o comandante do Tricolor pode lançar um terceiro atacante, com Rodriguinho e Washington disputando posição.

"Vamos analisar os treinos da semana e as opções que temos à disposição. Além disso, temos que esperar para ver se o Deco poderá jogar. Nesta semana não há espaços para precipitações", disse Muricy.

O elenco se reapresentou nesta terça-feira nas Laranjeiras, que vive um dia de eleições presidenciais. Nesta quarta-feira o trabalho será em tempo integral, com a primeira atividade com bola sendo realizada.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofluminensefutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG