Meia participou mais uma vez das atividades com os titulares da equipe santista no CT Rei Pelé

Futura Press
Ganso treina ao lado do veterano Léo no curioso time com 12 jogadores
O técnico Muricy Ramalho preferiu manter o mistério sobre a escalação do Santos e a presença do meia Paulo Henrique Ganso entre os titulares que enfrentarão o Peñarol nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no estádio do Pacaembu, pelo jogo de volta da final da Copa Libertadores da América.

O treinador apenas realizou um treino de fundamentos e escalou Ganso ao lado dos outros 11 jogadores.

No treino da última segunda-feira, Ganso também participou das atividades com os jogadores titulares. O camisa 10 foi o armador das jogadas em um treino de contra-ataques comandando pelo treinador.

Paulo Henrique Ganso treinou com confiança e aguarda decisão de Muricy
Gazeta Press
Paulo Henrique Ganso treinou com confiança e aguarda decisão de Muricy


Ganso foi liberado pelos médicos para atuar os 90 minutos da final contra o Peñarol. O atleta está recuperado de uma contratura muscular na coxa direita. Ele não atua desde o dia 8 de maio, quando sofreu a lesão no primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, diante do Corinthians.

O time treinou nesta terça-feira com a seguinte formação: Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval, Léo; Adriano, Arouca, Danilo, Elano, Ganso; Neymar e Zé Eduardo. Caso Ganso seja titular, o mais provável é que Muricy coloque Danilo na lateral direita e Pará volte para o banco de reservas. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.