Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Muricy diz que vaga para Elano ou Ibson ainda não está definida

"Eu não tenho mania, nem preferência por jogador, nada do tipo. Para mim, o que conta é treino e jogo", afirmou técnico

Gazeta |

AE
Ibson bate por cima do goleiro e abre o placar para o Santos diante do Comercial
Titular nos últimos jogos do Santos, o volante Ibson vem procurando conquistar o seu espaço no time. Por outro lado, o meia Elano tem ficado na reserva, mas aparentemente não se abate com a situação. Observando tudo isso, está o técnico da equipe, Muricy Ramalho, que vê essa disputa entre os dois como algo importante e benéfico para o time no futuro.

Deixe seu recado e comente com outros torcedores

"Com certeza o lugar no time está aberto. Agora, eles sabem como eu administro futebol. Eu não tenho mania, nem preferência por jogador, nada do tipo. Para mim, o que conta é treino e jogo", afirmou Muricy, antes de enaltecer as últimas atuações dos dois atletas.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Campeonato Paulista

"O Ibson está aproveitando bem a oportunidade dele. Nas outras partidas ele não foi tão bem, mas (na vitória sobre o Comercial, por 2 a 0, nessa quarta-feira, na Arena Barueri, ele chegou mais ao ataque e surpreendeu. Fez um gol, inclusive. Já o Elano entrou bem na Bolívia (contra The Strongest, em La Paz), pela Libertadores. Ele participou bem. Contra o Mirassol ele jogou bem também. É um jogador importante, de seleção brasileira e Copa do Mundo", destacou.

Leia também: "Ganso não gosta de fazer gol", acredita Muricy

Sobre Elano, Muricy Ramalho demonstrou confiança no retorno das boas apresentações do meia. Criticado pelo seu desempenho, principalmente no segundo semestre do ano passado, Elano foi responsável por assistências para gols nas vitórias sobre Mirassol e Comercial, nos dois últimos compromissos do Santos no Paulistão.

Veja fotos da vitória do Santos sobre o Comercial

"O Elano teve um problema no pé, durante a pré-temporada, que o deixou durante um tempo afastado. Isso o prejudicou, mas agora ele está entrando em forma. E quando ele entra nos jogos, está sendo complicado para o adversário. Ele bate bem na bola, dá passe para gol, faz gol", comentou o treinador.

Dessa forma, a tendência é que haja um revezamento entre os dois até que um deles conquiste, definitivamente, a confiança de Muricy. "Para ser sincero, essa vaga não está definida", resumiu o comandante.

Entre para a torcida virtual do Santos e convide seus amigos

Leia tudo sobre: santoscampeonato paulista 2012elanoibsonmuricy ramalho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG