Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Muito satisfeito, Carpegiani culpa má sorte por revés são-paulino

Apesar da derrota para o Santos no primeiro clássico do ano, treinador elogiou atuação de sua equipe

Gazeta Esportiva |

Ser derrotado em um clássico geralmente causa estragos, mas o revés sofrido para o Santos, neste domingo, não preocupa o São Paulo. Assim como os atletas fizeram na saída de campo, também o técnico Paulo César Carpegiani, apesar do 2 a 0, enalteceu o trabalho do time.

"Quero dizer que estou muito satisfeito com a produção da minha equipe, tanto no primeiro quanto no segundo tempo. Pisamos forte no campo, marcamos", disse o treinador, que viu seu time se arrumar aos poucos, depois do baque pelo gol sofrido ainda aos dez minutos.

"Na medida em que se acertou, o time foi tomando conta. Eu estaria preocupado se tivéssemos perdido sem ter criado oportunidades. Fazer (o gol) é questão de momento. Na quarta-feira, tivemos sorte, mas hoje não", acrescentou Carpegiani, sem tirar os méritos do adversário.

A principal chance desperdiçada pela equipe tricolor foi aos 25 minutos do segundo tempo, quando Jean entrou sozinho na área e, após cruzamento de Juan, acertou a trave esquerda.

Com o revés em Barueri, o São Paulo permaneceu com nove pontos em cinco rodadas no Campeonato Paulista. O próximo jogo será na quinta-feira, contra o Linense, no Morumbi.

Leia tudo sobre: são paulosantoscampeonato paulista 2011carpegiani

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG