Bolton divulga nota informando que jogador tem 'noite confortável' e passará a receber visitas apenas de parentes e membros do clube

O estado de saúde do jogador Fabrice Muamba, vítima de um mal súbito durante partida da Copa da Inglaterra no último sábado , continua apresentando melhora. Segundo comunicado emitido pelo hospital em Londres onde está internado, o volante do Bolton já respira sem a ajuda de aparelhos e consegue identificar familiares e responder perguntas.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A nota divulgada no site oficial do clube na manhã desta terça-feira informa que Muamba teve uma “noite confortável” e passará a receber menos visitas para continuar o tratamento. Apenas parentes e membros do Bolton estão autorizados a vê-lo. Nesta mesma nota, a família de Muamba agradece a todas as pessoas que rezaram pela saúde do atleta e pede para que continuem torcendo pela sua recuperação.

Leia também: Brasileiro Sandro relata desespero no atendimento a Muamba

O atacante Kevin Davies, capitão do Bolton, agradeceu aos médicos que participaram do atendimento a Muamba ainda dentro de campo e mostrou-se aliviado com a melhora do estado de saúde do companheiro. “Estamos todos muito agradecidos com o apoio que todo mundo tem demonstrado ao Fabrice, que não é apenas um colega de trabalho. Ele é um amigo, pai e filho. É um cara muito bom”, afirmou.

Veja ainda:  Reclamação de Mourinho pode ter salvado a vida de Muamba

Quem também se manifestou sobre o assunto fo Joseph Blatter, presidente da Fifa. "Em nome de toda a família do futebol mundial, gostaria de expressar meu choque com relação ao ataque cardíaco sofrido por Muamba e desejar força a ele nesta luta. Momentos como esse mostram o quanto a vida é importante e também ilustra a grande solidariedade que existe entre os fãs de futebol em momentos complicados", disse.

E mais:  Jogadores se solidarizam com Muamba, vítima de mal súbito

O jogador desmaiou aos 41 minutos do jogo entre Bolton e Tottenham, válido pela Copa da Inglaterra. Ele foi atendido por médicos ainda no gramado e foi retirado de campo inconsciente. Segundo o jornal The Guardian , o coração do volante parou de funcionar de forma voluntária por duas horas, mas voltou a bater sem a ajuda de aparelhos nesta segunda . A partida foi cancelada após o incidente, e o Bolton cogita até mesmo abandonar o restante da temporada .

Muamba nasceu em Kinshasa, na República Democrática do Congo. Ele tem cidadania inglesa e começou a carreira nas categorias de base do Arsenal e atuou no Birmingham, entre 2006 e 2008. Desde então, defende o Bolton, onde já disputou 130 partidas e marcou três gols. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.