Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Montillo encara clássico como uma revanche contra o Atlético

Argentino perdeu um pênalti contra o rival no Campeonato Brasileiro do ano passado e quer nova sorte no duelo de sábado

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Vipcomm
Montillo disse que pode bater nova penalidade contra o Atlético no próximo clássico
Além da já conhecida rivalidade, o clássico de sábado, contra o Atlético, tem um sabor especial para um jogador do Cruzeiro. O argentino Montillo não foi muito feliz em seu primeiro duelo contra o maior rival no segundo turno do Campeonato Brasileiro do ano passado, que terminou 4 a 3 para o Atlético. O meia teve uma oportunidade de ouro para diminuir o placar, que estava 2 a 0 para o adversário, mas desperdiçou uma cobrança de pênalti. Para o jogo de sábado, Montillo quer esquecer o passado e disse que pode até mesmo cobrar nova penalidade caso tenha oportunidade.

Montillo fez questão de explicar porque não foi ele o batedor da penalidade na partida de estreia do Cruzeiro no Campeonato Mineiro, contra a Caldense. Na ocasião, o atacante Wellington Paulista cobrou e converteu. “Quando cheguei ao Cruzeiro, o encarregado pelas cobranças era o Wellington Paulista. Mas ele se machucou e eu passei a bater. Agora, ele voltou ao time, por isso bateu o primeiro pênalti do ano. Eu não vejo problemas em voltar a ser o cobrador. Qualquer um que bater tem que converter para ajudar o Cruzeiro”, disse o argentino.

Apesar de dizer que aquele clássico de 2010 já faz parte do passado, Montillo encara o próximo duelo como uma espécie de revanche. “Já ficou para trás o outro clássico. Mas, para mim, esse é uma revanche. Se tivesse convertido aquele pênalti, tenho certeza que viraríamos aquela partida. Mas, agora é outro jogo e temos que ganhar de qualquer forma”, concluiu.

Leia tudo sobre: CruzeiroCampeonato MineiroMontillo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG