Argentino deixou o gramado contra o Tupi reclamando de dores no joelho esquerdo, mas deve encarar o Tolima

Montillo perdeu pênalti que poderia ter dado a vitória ao Cruzeiro contra o Tupi
Vipcomm
Montillo perdeu pênalti que poderia ter dado a vitória ao Cruzeiro contra o Tupi
O argentino Montillo não teve uma noite feliz na partida contra o Tupi, em Juiz de Fora . Além de ter perdido uma penalidade (sua segunda com a camisa do Cruzeiro), o jogador teve que ser substituído por conta de dores no joelho esquerdo e deve ser poupado do próximo compromisso do Cruzeiro no Campeonato Mineiro, contra o Democrata-GV.

A temporada de 2011 começou com o atacante Wellington Paulista sendo o principal cobrador de pênaltis do Cruzeiro. Como o atacante vive má fase e foi afastado para recuperar sua melhor forma , Montillo foi o responsável pela cobrança contra o Tupi. O camisa 10 optou por chutar com violência e perdeu seu segundo pênalti com a camisa do Cruzeiro, já que também havia desperdiçado uma cobrança no decisivo clássico contra o Atlético-MG, em Uberlândia, pelo Campeonato Brasileiro do ano passado.

Segundo o médico do Cruzeiro, Sérgio Freire Júnior, a contusão do jogador não é grave, mas dificilmente ele deve ser usado no duelo de domingo contra o Democrata-GV. “Não é nada grave. Foi um mau jeito que teve na hora que foi fazer um cruzamento. Achamos melhor retirá-lo para não forçar uma região com dor. Vamos aguardar para saber se ele joga no fim de semana, mas acredito que para o jogo da semana que vem para a Libertadores (contra o Deportes Tolima, na próxima quarta-feira) não terá problemas. É bem provável que ele seja poupado, já que são poucos dias para se recuperar para o final de semana”, explicou Sérgio Freire Júnior.

Cuca ainda aguarda pelo atleta, mas já adiantou que não utilizará Montillo se o atleta não estiver 100%. “Se ele estiver com dor, não adianta. É um jogador importantíssimo, talvez o mais importante do elenco. Não podemos correr o risco de agravar uma lesão”, concluiu o treinador cruzeirense.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.