Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Montillo balança com Corinthians, mas deixa futuro em aberto

Argentino disse que espera uma contraproposta do Cruzeiro e que tem que pensar na sua família

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Frederico Machado
Montillo falou pela primeira vez sobre a negociação com o Corinthians
O argentino Montillo quebrou o silêncio na manhã dessa sexta-feira sobre a negociação com o Corinthians. O camisa 10 ainda falou como atleta do Cruzeiro e disse não saber sobre seu futuro, mas ressaltou que a proposta do Corinthians é muito vantajosa financeiramente. O argentino mostrou gratidão ao clube mineiro e disse que vai resolver seu futuro em reunião com o presidente Gilvan de Pinho Tavares.

Leia também: Montillo pede para sair e jogar no Corinthians

Montillo começou a entrevista dizendo que foi mal compreendido na nota divulgada por sua assessoria e disse que aguarda uma contraproposta do Cruzeiro para permanecer. "Acho que o que falei ontem (quinta-feira) não compreenderam. Fico aguardando pela proposta do Cruzeiro também. Vou defender os interesses da minha família. Vivo disso daqui. A proposta do Corinthians é muito boa para minha família, mas isso não quer dizer que eu quero sair do Cruzeiro", disse o argentino.

Confira também: Corinthians recua e pode voltar a negociar com Montillo

O argentino mandou um recado para os torcedores que o criticaram por pensar no aspecto financeiro. "Se o Gilvan fizer uma proposta que garanta meu bem-estar, tudo bem. Mas vou pensar na minha família, tenho 27 anos e tenho que pensar em muitas coisas. Em qualquer trabalho acontece isso. Se aparece outra empresa e você acha que é o melhor para sua família, vai pensar duas vezes", analisou. Especula-se que a proposta salarial do Corinthians seja de 400 mil reais.

Apesar de assumir que ficou balançado com a proposta, Montillo disse que sua cabeça segue na Toca da Raposa II. "Cheguei há um ano e meio e honrei a camisa do Cruzeiro. Ninguém esta falando que sou jogador de outro time. Sou jogador do Cruzeiro, me apresentei. Não posso pensar em outro time. Tenho respeito aos meus companheiros, comissão técnica, com quem tenho boa relação. Se eu ficar aqui, vou continuar feliz", explicou-se.

O camisa 10 evitou falar sobre o fato do Corinthians disputar Libertadores em 2012. "São dois grandes clubes. Corinthians foi o último campeão brasileiro. Mas o Cruzeiro é uma vitrine muito grande também, um clube de história e que respeito muito", afirmou o armador.

Caso permaneça no Cruzeiro, Montillo disse que não haverá nenhuma espécie de clima ruim ou que fará "corpo-mole". "Vou ficar feliz no Cruzeiro. Não é que vou ficar triste, não vou jogar ou correr. Torcedor pode ficar tranquilo que respeito o clube. Meus companheiros merecem o melhor. Não vou deixar de correr. Sou profissional, sempre fiz o melhor em campo", ressaltou.

Por fim, Montillo disse que a decisão sobre sua permanência ou não está nas mãos do presidente do Cruzeiro. "Vou ver o que a diretoria do Cruzeiro pode fazer por mim e a última palavra é do Gilvan", concluiu.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e comente as declarações de Montillo

Leia tudo sobre: CruzeiroCorinthiansMontillo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG