Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Mirassol vence em casa, se classifica e complica o Ituano

Equipe chegou aos 30 pontos e confirmou lugar entre os oito melhores colocados da primeira fase

Gazeta |

O Mirassol fez história neste sábado e, com uma vitória por 3 a 0 sobre o Ituano, garantiu pela primeira vez a passagem para uma fase de mata-mata do Campeonato Paulista. Atuando diante de sua torcida, no Estádio José Maria de Campos Maia, o clube se aproveitou da expulsão de Jackson, ocorrida aos 40 minutos da primeira etapa, e marcou os seus gols com Wellington Amorim, no primeiro tempo, e Samuel e Otacílio, na etapa final.

Com o resultado, o Mirassol chegou aos 30 pontos e confirmou lugar entre os oito melhores colocados da primeira fase do Estadual. O Ituano, por sua vez, se manteve com apenas 15 pontos somados e caiu para a zona de rebaixamento.

Na última rodada do Campeonato Paulista, que terá todos os jogos às 16 horas do dia 17, o Mirassol jogará contra o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, enquanto o Ituano, que terá a sua última chance para escapar da degola, jogará em casa contra o Noroeste.  

O jogo

Em uma partida que começou muito truncada no meio do campo, as duas equipes demonstraram um futebol parecido até a expulsão de Jackson, do Ituano, que fez falta dura em Samuel e recebeu o seu segundo cartão amarelo.

Aproveitando o momento vulnerável do adversário, o Mirassol teve duas chances consecutivas na sequência do cartão vermelho. Aos 43 minutos, Wellington Amorim tocou para Serginho e o jogador colocou a bola para as redes. No entanto, o árbitro anulou o gol apontando corretamente o impedimento.

Um minuto depois, porém, o ataque do Mirassol voltou a marcar, e desta vez a arbitragem confirmou o tento anotado de cabeça por Wellington Amorim após cruzamento de Samuel.

No segundo tempo, o time mandante continuou melhor em campo, mas só veio confirmar a vitória e a classificação depois dos 30 minutos, em duas jogadas armadas por Xuxa.

Aos 35, o meia recebeu na entrada da área e rolou para Serginho, que dominou pelo lado esquerdo da área, puxou para a perna direita e bateu no ângulo oposto do goleiro Marcelo Bonan. Dois minutos depois, Xuxa recebeu passe de Marcelinho, viu a chegada de Otacílio e só rolou para o volante encher o pé e garantir a vaga histórica para o Mirassol.

FICHA TÉCNICA
MIRASSOL 3 x 0 ITUANO

Local: Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol (SP)
Data: 9 de abril de 2011, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Furlan
Assistentes: Giulliano Neri Colisse e Fabio Rogerio Baesteiro
Assistentes adicionais: Welton Orlando Wohnrath e Thiago Luis Scarascati
Cartões amarelos: Jairo, Dezinho e Magal (Mirassol); Medina e Escobar (Ituano)
Cartão vermelho: Jackson (Ituano)

Gols: Wellington Amorim, aos 44 minutos do primeiro tempo, Serginho, aos 35 e Otacílio, aos 37 do segundo tempo

MIRASSOL: Fernando Leal; Samuel, Gustavo Bastos (Luiz Henrique), Dezinho e Diego; Magal, Jairo (Otacílio), Esley e Xuxa; Wellington Amorim (Marcelinho) e Serginho.
Técnico: Ivan Baitello

ITUANO: Marcelo Bonan; Medina (Cássio), Jackson, César Gaúcho (Rodrigão) e Alex Cazumba; Junior Urso, Escobar, Adoniran e Leomir; Jefferson (Kleyton Domingues) e Malaquias.
Técnico: Ruy Scarpino

Leia tudo sobre: campeonato paulista 2011mirassolituano

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG