Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Miranda nega desejo de vingar suposta entregada do Corinthians

Em 2009, rival do Parque São Jorge perdeu para o Flamengo quando os cariocas dispuavam o título ponto a ponto com o São Paulo

Levi Guimarães, iG São Paulo |

A rivalidade entre São Paulo e Corinthians é permanente e estará ainda maior no clássico de domingo por conta da situação das duas equipes na tabela. Mas um sentimento que não entra em campo, segundo Miranda, é o de vingança. Nesta sexta-feira, o zagueiro relembrou o episódio no ano passado em que o rival teria facilitado um jogo para o Flamengo, já que os cariocas disputavam o título com o São Paulo.

Acho que aquilo lá é passado. Uma equipe como a nossa de maneira nenhuma vai facilitar partida nenhuma para ninguém, independente de que vá ser ajudado. O que eles fizeram ou deixaram de fazer para nós pouco importa. Temos a obrigação de vencer a partida de domingo, disse o camisa cinco são-paulino.

No Brasileirão de 2009, o São Paulo chegou à penúltima rodada como líder, com 62 pontos. O Flamengo ocupava o segundo lugar, com um ponto a menos e encarou o Corinthians, que tinha o mando de campo. Com uma vitória dos cariocas por 2 a 0 e derrota do time do Morumbi para o Goiás por 4 a 2, as posições se inverteram antes da rodada final e o Flamengo acabou campeão.

Na época, surgiram polêmicas pela mudança do local da partida entre Corinthians e Flamengo e pela suposta falta de empenho dos jogadores corintianos. O jogo, antes marcado para a capital paulista, foi transferido para o estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. E no segundo gol do Flamengo, de pênalti, o então goleiro Felipe sequer tentou defender a cobrança de Léo Moura.

Sete pontos atrás do rival na tabela, o São Paulo, não poderia ser diferente, encara o clássico de domingo como uma decisão. Independente de quem seja, nessa reta final a obrigação de vencer vai ser nossa, porque estamos brigando por vaga na Libertadores. O Corinthians cruzou o nosso caminho e temos condição de vencer, vamos jogar de igual para igual e procurar ir para cima, afirmou Miranda.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthiansfutebolsão paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG