Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Milito decide e Inter impede o Milan de assumir a liderança

Atacante argentino marcou o único gol da vitória da Inter, que fica a seis pontos da líder Juventus

Gazeta |

AP
Milito chuta de esquerda e marca o gol da vitória do Milan sobre a Inter
O argentino Diego Milito mostrou o seu velho 'faro' de gol neste domingo e decidiu o "Derby Della Madonnina" para a Internazionale. O tento, anotado no começo do segundo tempo, foi o único do triunfo de sua equipe sobre o arquirrival Milan, no estádio San Siro, em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Italiano.

Leia mais: Juventus empata em casa com Cagliari e pode ver o Milan disparar

Com o resultado, os interistas chegam a 32 pontos conquistados, e diminuem para seis a diferença em relação à líder Juventus, que empatou com o Cagliari mais cedo. A igualdade, por sinal, dava aos rubro-negros a possibilidade de assumir a liderança, mas o revés nesta noite impediu a equipe de realizar esse sonho.

Veja ainda: Atacante Quagliarella sofre fratura no rosto e desfalca a Juventus

Na próxima rodada, os milanistas visitam o Novara, enquanto os nerazzurri tem mais uma partida de rivalidade acirrada: ante a Lazio, em casa. Milito, que passou por muitas complicações físicas na última temporada, está voltando à sua velha forma.

O jogo
O duelo não teve muitas emoções na primeira etapa, com os dois times adotando uma postura mais defensiva, evitando se expor para os ataques adversários e chegando sem muita força no campo do rival.

Logo aos quatro minutos, Thiago Motta marcou de cabeça, mas estava em claro impedimento. As ações foram se arrastando na etapa inicial, com os rubro-negros mantendo mais a posse de bola só que sem encaixar grandes possibilidades de balançar a rede adversária.

As melhores chances vieram já próximo dos acréscimos. Primeiro Nagatomo cruzou para Álvarez chutar e exigir boa defesa de Abbiatti. Depois, em boa jogada, Alexandre Pato serviu para Van Bommel soltar uma bomba na trave de Júlio César, que praticou boa intervenção no rebote, em voleio de Emanuelson.

Na etapa final, no entanto, uma falha defensiva proporcionou à Inter abrir o placar. Zanetti fez inversão de jogo despretensiosa, mas Abate furou e deixou a bola limpa para Milito dominar, invadir a área e tocar de esquerda, no canto de Abbiatti.

A partir dali, o domínio das ações foi ainda mais do Milan, mas a boa jornada do goleiro Júlio César e a má pontaria dos companheiros e Ibrahimovic, que deixou Robinho e Nocerino em boas condições de marcar, impediram o empate.

Leia tudo sobre: inter de milãomilanitáliafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG