Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Milan vence Novara por 3 a 0 e segue na cola da Juventus

Com o resultado, o Milan chega a 40 pontos, um de distância da líder Juventus

Gazeta |

AP
Ibrahimovic comemora um dos gols que marcou na vitória do Milan por 3 a 0

Os torcedores do Milan chegaram a se preocupar quando o primeiro tempo diante do Novara terminou em empate sem gols. Mas a equipe voltou diferente para a etapa final, desencantou e bateu o lanterna por 3 a 0 - gols de Ibrahimovic (dois) e Robinho . Com o resultado, os rossoneros chegaram a 40 pontos e se mantiveram a um de distância da líder Juventus .

Os homens de frente do Milan não pareceram sentir falta de Alexandre Pato , que se lesionou na vitória pela Copa da Itália, na quarta-feira. Robinho, Ibra e Emanuelson mostravam entrosamento e arriscavam rápidas tabelas para confundir a zaga do Novara.

Veja a classificação do Campeonato Italiano

Os visitantes, porém, não estavam com os pés calibrados e não conseguiram furar o bloqueio do rival. Ibrahimovc bem que tentou em cobrança de falta, mas o goleiro Ujkani estava atendo e espalmou para escanteio. O sueco ainda deu trabalho ao arriscar de fora da área, mas o arqueiro do Novara mais uma vez apareceu para salvar.

Mas o duelo particular entre o atacante e o goleiro teve história diferente na segunda etapa. Aos dez minutos, Ambrosini lançou para Ibrahimovic, que chutou forte, sem chance para Ujkani. Mais tarde, foi a vez de Robinho balançar a rede. O brasileiro aproveitou chute de El Shaarawi e deu um carrinho para empurrar a bola para dentro do gol.

E mais: Juventus e Milan vencem e seguem dividindo a liderança na Itália

Antes do apito final, Ibrahimovic mostrou mais uma vez seu faro de artilheiro. Após espalmada do goleiro, o sueco deu um leve toque e enganou a defesa do Novara, aos 44 minutos do segundo tempo.

Na próxima rodada, o Milan recebe o Cagliari, enquanto o Novara duela com o Palermo com a esperança de deixar a lanterna da competição. 

Leia tudo sobre: futebol mundialitáliamilanrobinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG