Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Milan e Juventus empatam em confronto de líderes no Italiano

Nocerino abriu o placar para os donos da casa a primeira etapa, mas Matri empatou no fim e ampliou invencibilidade da Juventus

iG São Paulo |

O confronto que reuniu os dois líderes do Campeonato Italiano neste sábado terminou sem um vencedor e foi marcado pelos erros de arbitragem. Com Pato, Robinho e Thiago Silva entre os titulares, o Milan recebeu a Juventus no estádio San Siro e saiu na frente com um gol do volante Nocerino no primeiro tempo, mas cedeu o empate na etapa complementar, quando o atacante Matri balançou as redes pelo time visitante. O placar de 1 a 1 mantém a distância de um ponto entre os times na competição.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Com 51 pontos, o Milan continua na liderança, mas quem tem mais motivos para comemorar o resultado deste sábado é a Juventus, que ainda tem um jogo a menos. Além de seguir invicto na temporada, o time de Turim passa a ter vantagem se as duas equipes voltarem a ficar empatadas em pontos, graças à vitória por 2 a 0 no confronto direto do primeiro turno.

Melhor em campo no início do jogo, o Milan não precisou de muito tempo para inaugurar o marcador. Aos 14 minutos, Nocerino se aproveitou de um erro na saída de bola do zagueiro Bonucci e finalizou com força para o gol. A bola ainda desviou no defensor no meio do caminho, acabando com qualquer chance do goleiro Buffon de fazer a defesa.

Confira a classificação do Campeonato Italiano

Com um ritmo forte, o time da casa continuou pressionando e só não ampliou aos 25 minutos por conta de um erro da arbitragem. Após cruzamento de Emanuelson, Mexes desviou e exigiu grande defesa de Buffon. No rebote, Muntari cabeceou e o goleiro da Juventus tirou a bola de dentro do gol. No entanto, o auxiliar não confirmou o gol, e o árbitro mandou o jogo seguir.

Leia também: City bate o Blackburn pelo Campeonato Inglês

O gol mal anulado de Muntari não foi o único lance polêmico da partida. Aos 34 minutos do segundo tempo, a Juventus chegou a balançar as redes do Milan após conclusão certeira de Matri, que recebeu a bola na grande área livre de marcação e tocou na saída do goleiro Abbiati. O assistente, no entanto, marcou impedimento do atacante.

Mas Matri mostrou que estava em dia inspirado e empatou para a Juventus quatro minutos depois, em jogada construída toda por jogadores que vieram do banco de reservas. O atacante desviou para o fundo do gol do Milan após cruzamento na medida de Pepe.

Veja ainda: PSG e Lyon empatam em 4 a 4 na França com três gols brasileiros

Aos 43 minutos, o volante chileno Vidal levou cartão vermelho e deixou a Juventus com um jogador a menos ao dar um carrinho por trás em Van Bommel. Mas o Milan não teve tempo para se aproveitar da situação e tentar retomar a vantagem.

O próximo capítulo da briga pelo título italiano entre as duas equipes será no sábado. A Juventus recebe o Chievo em seu estádio, enquanto o Milan encara o Palermo como visitante.

Leia tudo sobre: futebol mundialitáliajuventusmilan

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG