Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Michel Platini critica dívida de clubes europeus

Ele recordou que, todo ano, o futebol do continente acaba em débito, e defendeu que os clubes não devem gastar mais do que recebem

Ansa |

O presidente da União das Federações Europeias de Futebol (Uefa), Michel Platini, criticou hoje os clubes que possuem altas dívidas em meio à crise econômica mundial.

"Hoje, quando o mundo todo aperta o cinto, não entendo porque os times de futebol devem ter tantas dívidas", protestou o ex-jogador, que recebe hoje em Milão o Prêmio Internacional Giacinto Facchetti 2011, do jornal italiano La Gazzetta dello Sport.

Platini afirmou que os clubes não devem gastar mais dinheiro do que recebem e que o "fair play" financeiro é "muito importante neste período de crise".

"Todo ano o futebol profissional na Europa produz 1,4 bilhão em débito. Isso não é possível em tempos como estes", criticou.

Sobre as perdas dos clubes, ele disse ter falado "com todas as grandes famílias do futebol italiano e com os políticos. Todos estão de acordo em fazer alguma coisa. É preciso dizer basta ao que há".

Durante a cerimônia de entrega do prêmio, Platini também comentou sobre a possibilidade de se colocar mais um juiz nas partidas e se disse "contra a tecnologia no esporte", apesar dos juízes precisarem de mais ajuda, uma vez que seus erros são repetidos na televisão. 

Leia tudo sobre: futebol mundialplatini

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG