Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

México e Paraguai "antecipam" Copa América em amistoso nos EUA

Chicharito, Giovani e Vela podem atuar juntos, ao lado de Zinha. Paraguaios apostam em Lucas Barrios

Gazeta |

Paraguai e México farão uma espécie de ensaio em amistoso que será disputado às 18 horas (de Brasília) deste sábado, em Oakland, na Califórnia. As duas seleções estão em grupos diferentes, mas podem voltar a se enfrentar em julho, durante a Copa América na Argentina, competição para a qual os mexicanos foram convidados.

Vindos de vitória por 2 a 0 em amistoso contra a Bósnia, os mexicanos terão novidades. Pela primeira vez, o técnico José Manuel de La Torre poderá escalar os jovens Javier "Chicharito" Hernández, Giovani dos Santos e Carlos Vela juntos. Vela, aliás, está de volta após receber uma suspensão de seis meses da Federação Mexicana por promover uma festa na concentração ao lado de Efrain Juarez, que também levou um gancho e está de volta.

Destaque também para o meio-campista Zinha, brasileiro naturalizado mexicano que esteve na Copa de 2006, foi revelado pelo América-MG e atualmente defende o Toluca. Ele deve ser titular da equipe.

Desta forma, o time azteca deve entrar em campo com a seguinte formação: Ochoa; Salcido, Marquez, Rodriguez e Moreno; Guardado, Torrado, Zinha e Giovani dos Santos; Vela e Chicharito.

Já os paraguaios derrotaram Hong Kong por 7 a 0 na última vez que entraram em campo e apostam em Lucas Barrios, um dos grandes destaques da ótima campanha do Borussia Dortmund no Campeonato Alemão. Ele ganha o status de maior destaque porque o técnico Gerardo Martino deixou o veterano Roque Santa Cruz de fora da lista.

A escalação dos sul-americanos deve ser composta por Villar; Da Silva, Mareco, Veron e Alcaraz; Barreto, Riveros, Perez e Vera; Cardozo e Barrios.

Leia tudo sobre: MéxicoParaguaicopa américafutebol mundialamistoso

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG