Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Mesmo sem vaga na Libertadores, Botafogo tem melhor ano desde 1995

Equipe foi campeã carioca, conseguiu a melhor posição no Brasileirão desde o título de 95 e teve melhor média de público dos últimos 15 anos

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882504386&_c_=MiGComponente_C

A renovação do Botafogo com o técnico Joel Santana até o final de 2011 deixa claro que a diretoria aprovou a temporada do clube carioca. Mesmo sem a vaga na Copa Libertadores, perdida na última rodada com a derrota para o Grêmio, a sensação no clube é de dever cumprido. E comparando os números, a empolgação faz sentido. Desde o Campeonato Brasileiro de 1995, quando foi campeão, o Botafogo não terminava o torneio em uma posição tão boa. Neste ano, o clube carioca foi o 6° colocado.

"O Botafogo acha que o ano de 2010 foi extremamente proveitoso. Tivemos um Campeonato Brasileiro muito bom, com alguns problemas de contusão que atrapalharam, mas mesmo assim foi a melhor participação do Botafogo nos pontos corridos. Renovamos o contrato por mais um ano e o Joel estará com a gente para participar da festa. Aliás, ele é o elemento principal da festa", disse o vice-presidente de futebol, André Silva.

Além da boa campanha dentro de campo, o torcedor do Botafogo finalmente parece ter 'adotado' o Engenhão. Alvo de brincadeiras dos rivais, que chamavam o estádio de 'vazião', o Botafogo teve a 6ª melhor média de público do campeonato, com 18.728 torcedores por partida. Melhor número desde o campeonato de 1995, quando Túlio, Donizete e companhia levaram, em média, 23.179 pagantes por partida.

Para o técnico Joel Santana, é importante que a equipe esteja evoluindo. No ano passado, o clube carioca terminou o Brasileirão na 15ª colocação, perto da zona de rebaixamento. "Hoje a hegemonia do futebol brasileiro está no Rio de Janeiro. Ano passado do Flamengo, esse ano o Fluminense, quem sabe o que vai acontecer no ano que vem. Estamos sabendo o caminho e evoluindo. Acho que pode sair coisa boa", disse o treinador.

Outro motivo de alegria para o botafoguense em 2010 foi o Campeonato Carioca. Após ser vice do Flamengo durante três anos consecutivos, o Botafogo conseguiu se vingar e venceu o rival na final da Taça Rio, conquistando o título por antecipação. Para o presidente do Botafogo, Maurício Assumpção, o importante é dar tranquilidade e continuidade no trabalho de um treinador.

"Em uma gestão profissional sempre precisamos priorizar a sequência de um trabalho. No caso do Joel não foi diferente. Ele é o principal pilar para o nosso trabalho no futebol dar certo, avaliou Assumpção, que em 2011 espera voos mais altos. "Ano que vem, temos importantes competições para competir. Estamos planejando para conseguir bons resultados na próxima temporada, mas vamos com calma", declarou.

Leia tudo sobre: botafogocampeonato brasileiro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG