Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Mesmo desentrosados, Rafael Moura e Araújo formarão ataque

Recém-contratados substituem Fred e Emerson na estreia da Libertadores e esperam se conhecer durante o jogo.

Marcello Pires, iG Rio de Janeiro |

Eles nunca jogaram ou treinaram juntos, mal se conhecem, mas foram confirmados pelo técnico Muricy Ramalho para formar a dupla de ataque do Fluminense contra o Argentino Juniors, na estreia do clube na Libertadores, quarta-feira, às 22h, no Engenhão. Se dentro de campo eles precisarão de tempo para se completarem, durante as entrevistas nesta segunda-feira, nas Laranjeiras, os recém-contratados Araújo e Rafael Moura mostraram entrosamento e usaram o mesmo discurso para explicar como funcionará a inédita parceira.

“É claro que só vamos ganhar entrosamento com uma sequencia de jogos, mas eu também nunca tinha jogado com o Fred e ontem (domingo) fizemos boas jogadas e nos entendemos bem. Com o Araújo não vai ser diferente. Temos conversado bastante e ele vai jogar mais aberto para me servir dentro da área”, explicou Rafael Moura.

Araújo concorda que só com o tempo o entrosamento ideal virá, mas aposta na experiência de ambos para que a dupla tenha sucesso na estreia do Fluminense na Libertadores.

“A gente tem conversado nos treinos e vamos procurar nos conhecer melhor durante o jogo. Infelizmente nunca jogamos juntos, nem em coletivos, mas são dois jogadores rodados, experientes e por isso acho que não teremos muitas dificuldades para nos entender dentro de campo”, disse Araújo.

Se falta entrosamento à dupla, sobra sorte. Teoricamente considerados reservas, Araújo e Rafael Moura só irão começar a partida entre os titulares porque Fred, suspenso pela expulsão contra o LDU na final da Sul-Americana de 2009, e Emerson, que segue se recuperando de um edema no tornozelo esquerdo, não têm condições de jogo.

Se Rafael se prepara para a disputa de sua segunda Libertadores, o jogador defendeu o Corinthians em 2006, Araújo vive a expectativa de fazer sua estreia na competição.

“A expectativa é enorme e estou bastante ansioso para que o jogo comece logo. A Libertadores é a competição mais cobiçada pelos clubes brasileiro e é o sonho de qualquer atleta profissional. O Fluminense tem um elenco muito forte e vamos entrar para brigar pelo título”, afirmou o atacante.
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG