Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Mesmo com raça, Chelsea volta a decepcionar e empata com o Villa

A equipe de Londres esteve perdendo, conseguiu a virada, mas acabou cedendo o empate de 3 a 3, em Stamford Bridge

Gazeta Esportiva |

Getty Images
Drogba marcou um dos gols do Chelsea no empate deste domingo
Depois de vencer o Bolton na última quarta-feira, e quebrar um tabu de seis partidas sem vitória no Campeonato Inglês, o Chelsea voltou a decepcionar a sua torcida. Atuando em casa, no Estádio Stamford Bridge, a equipe teve uma ótima reação no segundo tempo, mas apenas empatou por 3 a 3 com o Aston Villa, clube que briga contra o rebaixamento. Os gols da partida foram marcados por Lampard, Drogba e Terry, para os Blues, e Young, Heskey e Clark, para o Villa.

Com o resultado, a pressão sobre o técnico Carlo Ancelotti deve aumentar. Com 35 pontos, o Chelsea se afastou ainda mais do líder Manchester United, que tem 41 pontos, e se manteve na quinta posição da Premier League. Já o Aston Villa, que luta para se afastar da ameaça de entrada na zona da degola, foi aos 21 pontos, atingindo provisoriamente a 15ª posição.

Na próxima rodada do torneio, o Chelsea visitará, já na terça-feira, o Wolverhampton, enquanto o Villa, na quarta-feira, receberá o Sunderland.

O jogo

O Aston Villa começou a partida melhor que o Chelsea e obrigou o goleiro Cech a fazer duas defesas em chutes de Young e Downing. No entanto, a equipe de Londres que conseguiu abrir o placar. Depois de Malouda ser derrubado na grande área, o juiz marcou pênalti, que Lampard bateu forte no lado direito do goleiro Friedel para anotar o primeiro tento dos donos da casa.

Mesmo com o gol sofrido, o Aston Villa seguiu criando chances com Young e Downing, e teve a chance que queria para empatar o jogo aos 40 minutos, quando Young aproveitou pênalti infantil cometido por Essien e marcou o gol para os visitantes.

No segundo tempo,o Aston Villa virou o placar logo aos dois minutos, em linda jogada de Downing pela direita, que culminou em um cruzamento na medida para o atacante Heskey, que subiu mais que os dois zagueiros e cabeceou sem chances para Cech.

Pressionando para conseguir pelo menos o empate, o Chelsea conseguiu uma virada heroica nos minutos finais do segundo tempo. Aos 38 minutos, Drogba, que não vinha bem, na partida, aproveitou bate-rebate na área e marcou o gol de empate.

Aos 43 minutos, o Chelsea conseguiu a virada com o zagueiro John Terry, que aproveitou rebote do goleiro Friedel dentro da área e finalizou com categoria para o fundo das redes, provocando um momento de euforia geral no Estádio Stamford Bridge. Na comemoração, os atletas abraçaram o contestado técnico Carlo Ancelotti

A alegria, no entanto, durou apenas três minutos, já que, aos 46 minutos, Albrighton cruzou para a área e Clark cabeceou livre para o fundo das redes, calando novamente a torcida da da casa. Com resultado de 3 a 3, o Chelsea e Carlo Ancelotti seguem devendo melhores resultados para a torcida dos Blues nesta temporada.

Leia tudo sobre: futebol mundialInglaterraChelsea

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG