Tamanho do texto

Técnico tinha pedido demissão do cargo em meados de agosto e agora voltou ao time no qual é um dos maiores vencedores da história

Com a demissão de Guto Ferreira posterior à goleada de 5 a 0 sofrida pelo ABC diante do Bragantino, os "líderes" do grupo se reuniram com a diretoria do clube e pediram pelo retorno de Leandro Campos, que havia pedido demissão do cargo em meados de agosto.

A diretoria, que descartou o nome de Guilherme Macuglia e não entrou em acordo financeiro com Sérgio Soares, cedeu ao apelo e foi atrás de Campos, que aceitou o desafio mais uma vez. "Sei que estou de volta para uma guerra, mas vamos vencê-la", disse, confirmando o acerto.

O treinador pediu demissão por conta de uma derrota contra o Paraná. Guto Ferreira foi contratado, mas também acabou fora com dois empates e duas derrotas, em apenas duas semanas de trabalho.

Leandro é um dos mais vencedores da história do ABC, tendo conquistado o único título nacional de um clube potiguar, que foi o Brasileirão da Série C em 2010, e está sendo recontratado pelo clube pela terceira vez na temporada. Depois de começar a temporada no comando da equipe, ele pediu demissão e voltou atrás em março, pouco tempo depois da saída, situação que se repetiu no último mês.

Na segunda-feira, Leandro Campos acertou com a diretoria do Fortaleza para comandar a reabilitação do clube na Série C, mas retornou a ligação ao presidente Osmar Baquit instantes depois, desistindo do acerto.

O ABC disputava uma vaga no G-4, mas depois da sequência de maus resultados, já flerta com a zona de rebaixamento. Com 25 pontos ganhos, apenas dois acima da degola, o treinador já comanda o time no próximo sábado, diante do Salgueiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.