Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Médico recomenda e presidente do Botafogo tira licença de 12 dias

Maurício Assumpção ficará afastado do clube para cuidar melhor da saúde e baixar taxa de colesterol

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

O presidente do Botafogo, Maurício Assumpção, ficará doze dias afastado do trabalho por recomendação médica. Após realizar exames no final de 2010, foi constatado que o dirigente estava com uma taxa de colesterol alta e precisava de descanso. Assim, Assumpção terá que repousar e passar por uma reeducação alimentar aliada a exercícios físicos para melhorar a saúde.

Durante a ausência de Assumpção, o vice-presidente geral, Antônio Carlos Mantuano, responderá pelo clube. A volta de Assumpção deve acontecer no dia 16, data marcada para o amistoso de apresentação do elenco para a temporada. O adversário da partida ainda não foi definido, mas o desejo da diretoria é de convidar uma equipe internacional e realizar uma grande festa.

O elenco do Botafogo se reapresenta nesta quarta-feira, às 9, em General Severiano. Até o dia 12 de janeiro, os treinamentos serão no Rio de Janeiro. Depois, a equipe carioca segue para Teresópolis, fazendo a pré-temporada na Granja Comary.

Leia tudo sobre: futebolbotafogocampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG