Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Médico elogia volta de Kaká: "É como se não tivesse sido operado"

Segundo o belga Marc Martens, o brasileiro, que voltou a jogar na segunda-feira, está com o joelho novo

Gazeta |

O meia Kaká voltou a jogar uma partida oficial na última segunda-feira, no duelo entre Real Madrid e Getafe, cerca de seis meses após a sua última participação, que havia sido no último dia 2 de julho, na derrota do Brasil para a Holanda, por 2 a 1, nas quartas de final da Copa do Mundo. Para o médico que operou o menisco do joelho esquerdo do jogador, Marc Martens, Kaká está plenamente recuperado.

"Kaká necessitava passar por uma cirurgia, não podia atuar com aquelas dores, e o tratamento feito a seguir foi perfeito. Agora está com o joelho novo, como se nem tivesse operado", declarou Martens ao jornal "Marca".

O médico belga havia se envolvido em uma polêmica com o brasileiro José Luiz Runco ao afirmar que Kaká correu risco de encerrar a carreira ao atuar pela seleção brasileira na Copa do Mundo da África do Sul, fato rebatido pelo chefe da eqiipe médica do Brasil.

"Quando ele (Kaká) saiu da mesa de operações, não sabíamos realmente quando ele iria voltar. Havia alguns prazos estimados, mas não pensávamos que ele iria voltar tão bem, com um nível físico tão importante", admitiu o médico do Real Madrid.

Leia tudo sobre: real madridkakáespanhafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG