Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Maurício Ramos sobre nova goleada contra Coritiba: "Nem a pau"

Zagueiro afirma que Palmeiras vai entrar mais concentrado e que é impossível time dar novo vexame

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

Maurício Ramos nem estava em campo quando o Palmeiras sofreu o 6 a 0 do Coritiba na Copa do Brasil, no início deste ano. Mesmo assim, o zagueiro mostra que o trauma afetou a todos no Palestra Itália. De encontro marcado contra o mesmo time, mas, desta vez pelo Brasileirão, o atleta avisa: “Tomar de 6 a 0 de novo nem a pau”.

Depois de ficar certo tempo encostado por opção de Luiz Felipe Scolari, Maurício voltou a atuar como titular e ainda vive uma fase de artilheiro, com três gols nos últimos seis jogos. Com passagem pelo time paranaense, o atleta lembra que naquela ocasião, tudo dava certo para o Coritiba.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

“Que que é isso, cara! Misericórdia”, respondeu o atleta após ser questionado sobre um novo 6 a 0. “Hoje, a confiança do grupo é outra. Naquele dia, nada deu certo, a bola batia na canela dos caras e eles faziam gol. Hoje, o espírito é diferente, a equipe está com uma confiança muito boa e vamos fazer o simples. (Tomar de 6) Nem a pau”, afirmou.

“Primeiramente, vamos respeitar a equipe do Coritiba lá dentro. Tomamos um chocolate lá e vamos entrar de uma maneira diferente, mais focado. Aquele dia nada deu certo, deu tudo errado e eles fizeram seis gols. Agora, o campeonato é diferente e hoje o Palmeiras tem uma sequencia diferente, está com uma confiança melhor”, completou.

AE
Maurício Ramos não estava no jogo que foi trágico para o Palmeiras


Coloque o seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

O jogo do Palmeiras vale pela 14ª rodada do Brasileirão e está marcado para as 21h50 desta quarta-feira, no Couto Pereira. O Palmeiras não vence atuando neste estádio pelo Nacional desde 1989. Além disso, o time paulista tenta aumentar o número de vitórias atuando em 2011 fora de casa.

“Jogar lá dentro no Couto é complicado. Joguei lá em 2008 e também ganhamos do Palmeiras. Agora defendemos a camisa do Palmeiras, é difícil jogar lá dentro, sabemos da qualidade deles, do foco. Vamos tranquilos, fazer nosso melhor, e sabemos que fora de casa a gente peca em alguns detalhes, mas com alguma motivação, com confiança, estamos brigando no G4 e pensando em títulos”, finalizou.

Leia tudo sobre: palmeirasmaurício ramoscoritiba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG