Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Martinuccio faz exames no Rio e está perto de assinar com Flu

Diretoria do Palmeiras, porém, diz não temer perder Martinuccio, independentemente da concorrência

*Marcello Pires, iG Rio de Janeiro |

Samir Carvalho
O argentino Martinuccio, em foto antes de treino do Peñarol
A diretoria do Fluminense não se pronunciou oficialmente nesta segunda-feira, mas ao que tudo indica entre o clube carioca e o argentino Martinuccio está tudo certo e o jogador do Peñarol pode ser anunciado até terça-feira como reforço. Vice-campeão da Taça Libertadores, o meia está no Rio de Janeiro e já teria, inclusive, realizado exames médicos. No entanto, o Palmeiras promete atrapalhar a negociação.

Entre para a Torcida Virtual do Fluminense e convide seus amigos

Os paulistas lançam mão de um pré-contrato assinado pelo jogador para impedir que Martinuccio acerte com o campeão brasileiro. Os advogados do clube paulista querem fazer valer acordo assinado no mês passado. O pré-contrato foi registrado em Montevidéu e teria validade a partir do dia 1º de agosto.

Siga o iG Fluminense no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Porém, os dirigentes do Fluminense consultaram especialista no assunto e afirmam que o contrato tem brechas e não é considerado legal. Uma das principais justificativas é que o Peñarol teria sido foi acionado no documento, que sequer tem uma versão em inglês.

Entre para a Torcida Virtual do Palmeiras e convide seus amigos

O Palmeiras, no entanto, diz não temer perder Martinuccio, independentemente da concorrência. Segundo o presidente, Arnaldo Tirone, e o advogado, André Sica, o pré-contrato assinado entre jogador e clube dá garantias o suficiente para os palmeirenses manterem a calma.

Siga o iG Palmeiras no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Uma multa de R$ 50 milhões foi estipulada no documento que tem mais de 15 páginas. O acordo já está assinado há um bom tempo, mas não tinha sido revelado publicamente por um pedido do jogador, que quis manter sigilo por ainda estar disputando a Libertadores.

 

Leia tudo sobre: Brasileirão 2011FluminensePalmeiras

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG