Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Marquinho usará proteção nas volta aos gramados

Embora não sinta mais dores no local, proteção fará o jogador lembrar da contusão e se prevenir

Marcello Pires, enviado iG a Mangaratiba |

As dores se foram, o incômodo é natural e a fratura no antebraço direito está totalmente recuperada. Mas como todo cuidado é pouco, Marquinho disse neste domingo que usará uma proteção especial no local na sua volta aos gramados. A decisão, no entanto, é muito mais uma precaução do departamento médico do que qualquer tipo de receio por parte do jogador.
 

“Eu já não sinto mais nada, mas nesse começo eu devo usar uma proteção sim. Mais para me lembrar mesmo da lesão do que por algum receio que eu tenha de me machucar de novo. Desde que voltei aos treinos eu disputo as jogadas normalmente, mas hoje mesmo apoiei o braço no chão duas vezes sem perceber. O doutor que me alertou após o trabalho”, explicou o jogador.
 

Embora não sinta mais dores no local, a principal preocupação de Marquinho e recuperar a massa muscular perdido em consequência do longo período de inatividade.
 

“Dor eu não sinto mais, mas o braço afinou muito e para recuperar a massa muscular de antes demora um pouco e temos que ter cautela para não atrofiar o local”, disse Marquinho.

Titular durante boa parte do Campeonato Brasileiro e um dos jogadores que mais atuou na competição, Marquinho não se considera o favorito para a vaga de Conca, que desfalcará o time durante boa parte do Estadual. Porém, o jogador lembra que com o técnico Muricy Ramalho não existem titulares e reservas.

“Não sei se serei titular pois fiquei dois meses sem jogar e ainda não estou cem por cento, mas eu deixo isso por conta do professor. O clube se reforçou, trouxe o Souza, temos o Deco, são muitas as opções. Mas com o Muricy não tem essa de titular, joga quem estiver melhor. Eu vou apenas continuar trabalhando forte e sério como sempre fiz para recuperar meu espaço”, explicou o meia.
 

Os dois meses e meio em que esteve longe do gramado não chegam a deixar Marquinho inseguro, mas ele sabe que perdeu muito tempo na disputa por uma posição num elenco tão qualificado. Titular ou não, o jogador sabe que o mais importante é seguir tendo a confiança do comandante.
 

“Eu acho que o grande segredo do Muricy é que ele não tem tratamento diferenciado para nenhum jogador. Ele cobra o Alex e Tartá, que são ainda dois jovens, da mesma forma que exige do Fred e do Deco, que são jogadores consagrados. No Fluminense todos se sentem importantes porque sabem que terão oportunidades de jogar”, elogiou Marquinho.
 

Leia tudo sobre: FluminenseMarquinho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG