Julinho Botelho, Leandro, Arílson, Mauro Silva, Leonardo e Serginho estão no grupo de desertores

O fato de Mário Fernandes , do Grêmio , ter se recusado a defender a seleção brasileira chamou a atenção, mas não é novidade. A história mostra que outros jogadores já fizeram o mesmo, por motivos diferentes e em situações variadas.

Veja também: Arilson, que fugiu da seleção em 1996, acha o caso de Mário mais grave que o seu

O caso do gremista aconteceu nesta segunda-feira. Chamado para disputar o Superclássico das Américas, ele alegou problemas pessoais , ainda não revelados, para não se apresentar em Belém, onde o Brasil se prepara para enfrentar a Argentina. A história ainda está cercada de mistério, já que nem mesmo o empresário do defensor sabe o que motivou essa sua decisão .

Mas muito antes de Mário Fernandes nascer, um jogador já tinha dito 'não' para a seleção. Afinal, o primeiro deles, Julinho Botelho, se recusou a disputar a Copa do Mundo de 1958 por jogar fora do país, um motivo que atualmente parece até estranho.

Depois disso, outros jogadores notáveis fizeram o mesmo. Relembre os principais casos:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.