Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Mário Fernandes alega problema pessoal para ficar fora da seleção

Mano Menezes aceita justificativas, mas site da CBF destaca que "os mesmos não são suficientes"

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

O Grêmio divulgou uma nota oficial na tarde desta segunda-feira esclarecendo a situação de Mário Fernandes, que pediu para não viajar com a seleção brasileira. No comunicado, o clube alega que o jogador está com problemas pessoais.

“O lateral Mário Fernandes esteve reunido no início da tarde de hoje com o executivo de Futebol, Paulo Pelaipe, e confirmou seu pedido de desconvocação da Seleção Brasileira. O atleta enviou um comunicado ao técnico Mano Menezes alegando motivos estritamente pessoais sem afastar a possibilidade de voltar a defender a Seleção futuramente”, diz a notícia no site do clube.

Siga o caso Mário Fernandes:

Mário rejeitou chamado da seleção brasileira para ficar no Grêmio

Arilson, que fugiu da seleção em 1996, acha o caso de Mário mais grave que o seu

Empresário desconhece problema pessoal do jogador

Em dia polêmico, Grêmio renova contrato de Mário Fernandes

Recusa de Mário Fernandes surpreende atletas da seleção

Apesar do incidente, Mário manterá a rotina normal. O lateral-direito deve se reapresentar normalmente no estádio Olímpico na tarde de terça-feira.

“O jogador disse também que está totalmente focado no Grêmio, onde continuará realizando seu trabalho da melhor maneira possível. Mário retorna aos treinamentos normalmente na tarde desta terça-feira, no Olímpico”, completa o comunicado.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Saiba as últimas notícias do Grêmio pelo Twitter

Mário Fernandes deveria ter viajado na manhã desta segunda-feira para Belém, onde a seleção brasileira enfrenta a Argentina, na quarta-feira. Como decidiu não ir, vai desfalcar o time do técnico Mano Menezes.

A história do jogador é parecida com o caso de outro ex-jogador do Grêmio. Em 1996, o meia Arílson abandonou a concentração da seleção por não estar sendo utilizado pelo técnico Zagallo. O iG conversou com Arílson. Ele considera o caso atual ainda mais grave. Veja a entrevista.

CBF confirma desconvocação, mas considera justificativa fraca:

O site oficial da CBF também confirmou a desconvocação do jogador. A nota oficial foi divulgada após o comunicado feito pelo Grêmio. O técnico Mano Menezes aceitou o pedido de dispensa, mas não parece ter ficado muito satisfeito:

"Mano Menezes diz que respeita os motivos abordados pelo jogador, mas ressalta que considera não serem os mesmos suficientes para futuras decisões envolvendo a sleção brasileira. Mário Fernandes foi convocado para a seleção brasileira para o jogo do dia 14 de setembro contra a Argentina, em Córdoba. Na ocasião, no tradicional discurso dos jogadores que são chamados pela primeira vez, disse que se sentia 'muito feliz por estar na Seleção e que esperava voltar mais vezes'. O jogador está então desconvocado e não será chamado substituto para a vaga", diz o comunicado.

Leia tudo sobre: GrêmioMário Fernandesseleção brasileira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG